BrasileirasPeloMundo.com
EUA Los Angeles Turismo Pelo Mundo

Joshua Tree National Park na Califórnia

Joshua Tree National Park na Califórnia.

A Califórnia é um dos principais destinos dos Estados Unidos para quem é apaixonado pela natureza. Um dos destinos mais populares é o Joshua Tree National Park que tem como atrações espaços para acampamento e diversas trilhas.

Além das trilhas, tem também belas paisagens, animais silvestres e incríveis noites estreladas. O Joshua Tree acolhe desde os mais aventureiros até os mais caseiros.

Destaques do Joshua Tree

Primeiramente, vale ressaltar que a árvore típica da região é a Yucca Brevifolia (nome científico). Mas, por que será que ela ganhou o nome de Joshua Tree? De acordo com a história, por volta dos anos 90, Mórmons que passavam pelo deserto de Mojave, ao verem o formato da árvore, lembraram-se da passagem bíblica em que Josué levanta os braços em direção aos céus a orar. Assim, a árvore símbolo da região foi batizada, e até virou o nome do parque nacional.

Foto de Daniel Coutinho.

O Joshua Tree National Park está localizado a duas horas de Los Angeles, na região de Yucca Valley, Joshua Tree e Twentynine Palms.

Quando amigos recomendaram o passeio, disseram que iríamos adorar, que o lugar era muito bonito e que não acreditavam como demoramos tanto para ir conhecer.   

Tive que reconhecer, de fato, demoramos demais pois tudo em Joshua Tree é MARAVILHOSO e MÁGICO. Não sei dizer se foi a casa onde ficamos, se foram as trilhas que fizemos, ou o simples contato com a natureza. Só sei que fiquei com gostinho de quero mais.

Pode parecer exagero o meu encantamento, mas não estou sozinha. O Joshua Tree é destino de muitos músicos, artistas, escritores que se refugiam em algum cantinho da região de Joshua Tree para se inspirar.

Outro aspecto não tão místico é a vegetação e a paisagem, as árvores estão por todos os cantos, mas o mais legal mesmo é ver a floresta de Joshua Trees dentro do Parque. As cidades que mencionei acima são pequenas, por isso os únicos barulhos que você irá ouvir serão dos animais.

Além disso, um dos pontos altos do passeio são os rochedos. Sabe quando fazíamos aquela brincadeira de criança de descobrir o formato das nuvens? Então, dá pra fazer o mesmo com as pedras. Isso porque há muitas rochas. E se você for aventureiro, vale fazer escalada. A vista é maravilhosa e compensa o desafio segundo os alpinistas.

Devido ao clima ser desértico, os animais típicos são as cobras, os lagartos, os coelhos selvagens, os coyotes, e inúmeros pássaros. Sem exageros, me senti em um dos desenhos do Pica-Pau e do Papaléguas.

O último e mais importante destaque do passeio, na minha opinião, é a vista do céu.

No final de semana que passamos em Joshua Tree, a noite era de lua cheia. Se você gosta da lua e do luar, essa é a melhor época, pois é muito lindo ver a lua grande no céu, além da sua luz iluminar quase tudo.

Leia também: Pier de Santa Monica em Los Angeles

Fizemos uma caminhada noturna e não tivemos nenhuma dificuldade —claro que você precisa de lanterna para partes mais escuras— mas a maior parte do trajeto usamos apenas a luz da lua, e só posso dizer que é SENSACIONAL.

No entanto, se sua preferência for observar as estrelas, e até, quem sabe, ver a galáxia, melhor planejar o passeio durante a lua nova.  

Como eu disse, o Joshua Tree National Park fica no deserto, por isso recomendo que evite fazer a viagem durante o verão. Os preços de estadia caem nessa época —Junho até final de Setembro— por isso algumas pessoas optam por essa temporada, porém se prepare para um calor de mais de 40 graus.

Quando fomos era começo do outono, e achei ideal, pois era o calor do dia é aliviado pela brisa leve, e durante a noite é frio. Assim, fizemos caminhadas sem um forte sol e curtimos a fogueira/lareira durante a noite.

Dicas de Trilhas

Como ficamos apenas três noites, fizemos duas trilhas no mesmo dia, porém, recomendo que fique mais dias para poder fazer pelos menos cinco trilhas. Afinal, o parque possui inúmeras trilhas para caminhadas leves, e 14 trilhas consideradas moderadas ou difíceis. Todas com vistas de tirar o folego.

Nosso desafio do dia foi a trilha Ryan Mountain que é uma trilha de 3 milhas ida e volta, apesar de ser considerada moderada, possui escadas durante todo o trajeto, então, o ideal é que você esteja bem preparado fisicamente. A vista vale muito a pena, a montanha possui quase 17 mil metros de altura. A vista permite observar as outras montanhas, rochedos e uma infinidade de paisagem. Acredite, todo esforço é recompensado quando você chega no topo.

Vista de cima do Ryan Mountain

No final da tarde fizemos o Hidden Valley que é uma trilha muito fácil, cujo trajeto começa e termina no mesmo lugar. De apenas um quilômetro, é perfeita para uma caminhada noturna e excelente para observar a vegetação e o céu.

Leia também: vistos para morar nos Estados Unidos

 O Joshua Tree National Park é aberto dia e noite, o ingresso custa $30 (trinta dólares) por veículo para sete dias. O valor muda se a intenção for acampar, por exemplo, o espaço que acomoda 3 barracas é de $20 (vinte dólares) por dia.

Ficamos apenas 3 noites e, se me perguntasse se eu ficaria mais, sem hesitar, diria que sim. Eu ficaria mais uma semana só para poder fazer todas as trilhas, curtir mais um pouquinho a noite estrelada e fria, a distância da vida normal, para estar em contato com a natureza, curtindo momentos agradáveis com a família ou amigos.

Related posts

Como se preparar para um terremoto

Raiane Rosenthal

A vida em Los Angeles

Raiane Rosenthal

Bairros de São Francisco: Fisherman’s’ Wharf

Letícia Cavalcante

1 comentário

Maria B Janeiro 28, 2019 at 7:17 pm

Muito interessante, eu prefiro as belezas da noite, estrelas, luar, brisa. claro que as trilhas são instigantes também. pela sua narração dá para se ter uma ideia bem concreta do que desfrutar no Joshua Tree National Park. Adorei!

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação