BrasileirasPeloMundo.com

Related posts

10 curiosidades sobre a Rússia

Renata Rossi

Palavras e expressões da Costa Rica

Jesuela Macedo

Korfbal – O “quase” basquete

Roberta Veronezi Figueiredo

14 comentários

Adalta Marinoni October 12, 2017 at 5:59 pm

Tudo uma questao cultural mesmo. Sem sapatos dentro de casa, achei que era só coisa de japonês. Hum….não sei se concordo. Agora aqui, temos um péssimo hábito que eu sempre critiquei que é guardar os sapatos dentro de armários, perto das roupas e quase sempre tudo isso fica no quarto de dormir. Fazer compras aos sábados acho que é pq em muitos países o pagamento de salários é semanal.

Resposta
Marcela Vieira November 20, 2017 at 5:17 pm

Oi Adalta! Eu também achava que tirar um sapato era hábito japonês. Obrigada por ler e comentar.
Beijos, Mah

Resposta
nilda macedo November 1, 2017 at 1:17 pm

Adorei a mania de tirar os sapatos pra entrar em casa. Achava que isso acontecia só no Japão e na Índia.
Sinceramente, acho muito higiênico. Trazemos nas solas dos sapatos todo tipo de resíduos sujeira das ruas. Aqui no Brasil isso só acontece em casas de lugares mais rústicos, como área rural e vilas praianas, para evitar a terra ou areia no piso das casas e não exatamente por causa da imundice invisível das solas dos calçados.

Resposta
Marcela Vieira November 20, 2017 at 5:17 pm

Oi Nilda! Tens razão, é muito mais higiênico, eu também adoro!
Obrigada por ler e comentar!
Um beijo, Mah

Resposta
Catia November 20, 2017 at 7:19 pm

Meu hábito adotado na Alemanha? Andar pelada na praia! Tanto faz se for na Alemanha ou na Espanha. Meu corpo não conheçe marquinha de biquíni faz anos!

Resposta
Marcela Vieira November 21, 2017 at 1:55 pm

Oi Catia! Admiro muuuuito essa mania, ainda não tive coragem!!! hehehe Mas deve ser maravilhoso! Obrigada por ler e comentar. Um beijo, Mah.

Resposta
Lukas November 20, 2017 at 10:26 pm

Morando em Hamburg, peguei hábitos que não largo. O primeiro ebmais marcante é o apreço pelo silêncio em casa. No Brasil sempre tem algum ruído o tempo todo. Em geral é a TV, mas pode ser um ventilador ou ar-condicionado onde é quente, e certamente o barulho da rua. Em toda casa brasileira ao menos a janelinha do banheito ta sempre aberta. Na Alemanha é tudo um silêncio tumular. Não tem tv o tempo todo, nem outros aparelhos ligados desnecessariamente. E da rua pouco se ouve por causa das janelas. Ouvir a propria respiração ao ler um livro é algo muito louco. E enquanto antes de me mudar pra Alemanha isso não me incomodava, esse barulho constante é fator fundamental quando procuro lugar pra morar no Brasil.
Tem também a mania de separar lixo, mesmo q na cidade q moro não tenha coleta seletiva.
Outra mania foi desapegar das marcas e sair procurando sempre o melhor preço. Virei um Schnäppchenjäger no melhor sentido. Isso pq na Alemanha os produtos genericos sempre foram mto bons, como me recomendaram colegas. Hoje mabtenho o hábito. Mesmo que no Brasil isso as vezes signifique fazer algumas experiências ruins. Mas aí basta riscar aquela marca das opções viáveis e continuar caçando produtos bons e em conta.
Finalmente acho q uma mania boa foi de separar trabalho e lazer de forma bem definida. A cultura brasileira prima pelo relacionamento acima da coisa (Sache) o que faz com que muito tempo se perca na construção de um relacionamento a fim de conseguir uma coisa. Você “fica amigo” de caixa de mercado, frentista de posto, atendente de telemarketing etc, só pra conseguir pagar compras, abastecer um carro ou fechar um contrato de telefone. O alemão, pelo contrário, se.concentra na coisa q foi fazer e não perde tempo com um relacionamento inútil. Assim sobra mais tempo pra coisas úteis. No Brasil sofro ainda com essa.mudança, com essa objetividade. Sobretudo no trabalho, onde se marca uma reunião pra marcar a próxima reunião sobre um assunto. É muito desperdício de tempo.

Resposta
Marcela Vieira November 21, 2017 at 2:01 pm

Oi Lukas! Realmente o silêncio aqui é algo louco, é tudo muito silencioso. Obrigada por ler e comentar.
Um beijo, Mah.

Resposta
Felício November 21, 2017 at 2:13 am

Eu morei em Colônia por quase um ano e meio e um hábito que adquiri com os alemães foi tomar muito chá. Seja antes ou depois das refeições. Outra coisa que aprendi com o jeito alemão objetivo de ser foi a dizer “não” sem muitos rodeios mesmo que isso soe às vezes grosso para muitos aqui no Brasil.

Resposta
Marcela Vieira November 21, 2017 at 1:59 pm

Oi Felício! Essa do chá eu não sabia! Adoro um chazinho tambémmm! Coisa boa! E essa do dizer não realmente é um pouco assustadora pra gente no começo, mas como você falou é uma boa mesmo ser um pouco mais direto que a gente, né mesmo? Obrigada por ler e comentar!
Um beijo, Mah.

Resposta
Eliane Trott Barth January 7, 2018 at 4:15 pm

Eu adoro tuas postagens!!!! São muito úteis para a gente programar as viagens!!! Sou brasileira descendente de Alemães. Moro no Rio Grande do Sul. Amo ir para a Alemanha pelo menos 1 x por ano! Este ano queremos conhecer Hamburgo!Aqui no sul consevamos muitos hábitos alemães!

Resposta
Marcela Vieira January 8, 2018 at 4:26 pm

Oi Eliane! Que bommm que gostas dos textos, fico muito feliz e linsogeada! 😉 Vão pra Hamburgo mesmo, é uma cidade linda, certeza que irão amar! Se quiser dicas me escreve comt teu e-mail que te passo alguns! Um beijo e obrigada por comentar

Resposta
Fernando Makert January 8, 2018 at 10:42 pm

Nunca tive o hábito de jogar papel higiênico sujo na lixeira. Aprendi desde criança que o certo é jogar no vaso sanitário. O problema é que as construções mais modernas aqui no Brasil já vêm com um encanamento podre, onde papel higiênico realmente pode causar entupimento e obstrução da água. Construções mais antigas não têm esse problema. Mas eu não me rendi: no prédio em que moro atualmente, que é novo, jogo um pedaço de papel e dou descarga por vez, e assim adiante. Não há necessidade de uma infraestrutura tão ruim, mesmo no Brasil.

Resposta
ana February 3, 2020 at 3:55 am

Tirar os sapatos antes de entrar em casa:
Eu pessoalmente faço isso, acho um nojo sapato dentro de casa. Pisa cuspe, sangue, vomito, cocó, xixi, sujeiras, tudo…
Mas tem mais países onde isso acontece: Maioria da Asia, India, França…etc

Resposta

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação