O mês da Galete de Reis na França

4
160
Fonte: pixabay.cm
Advertisement

O mês da Galete de Reis na França.

Natal e ano novo são sinônimos de comer bem tanto no Brasil quanto na França. Sempre exageramos no final do ano e dizemos que em janeiro comeremos menos.
Não por aqui. O mês de janeiro na França é conhecido pela galete de reis (galette de rois).

No primeiro ano não sabíamos muito o que era e não conhecíamos este costume francês, mas percebemos bem a agitação do mercado e das pessoas.
Desde o final de dezembro e praticamente todo mês de janeiro, as padarias (boulangeries) e supermercados oferecem ao cliente a galete de rois (galete de Reis). No meu trabalho praticamente todo dia tem uma pessoa que leva uma galete. Na escola as crianças fazem a iguaria, degustam e ainda levam a receita para casa.

Esta é torta bem famosa por aqui e com tanta movimentação em torno de uma simples torta, resolvi pesquisar e perguntar para alguns franceses que eu conheço para tentar entender melhor.

Leia também: tudo que você precisa saber para morar na França

Fonte: www.bonnesimages.com

                           Qual a origem  deste prato?

Dia 6 de janeiro é o dia de Reis, ou Epifania do Senhor, é uma festa religiosa cristã que comemora a manifestação de Jesus Cristo como Deus encarnado.
A Epifania comemora a visita dos três reis magos ao menino Jesus, sendo a galette a representação dos presentes ofertados a jesus pelos reis magos (incenso, ouro e mirra).

Na França, come-se a galete no dia de Reis. Porém, podemos adaptar para o final de semana mais próximo. Deve ser por isso que li em alguns jornais daqui que se come no segundo domingo depois do Natal. Tem algumas pessoas que comem a iguaria todo do final de semana de janeiro.

Compartilhar a galete é um momento bem família, pois existe um ritual a ser seguido e todos se divertem, as principalmente as crianças.
De acordo com a tradição a torta dever ser cortada de maneira que o número de fatias corresponda ao número exato de pessoas que irão comer. Cabe ao membro mais novo da família escolher aleatoriamente a distribuição das fatias.
A criança geralmente fica embaixo da mesa enquanto aponta a ordem de distribuição. Dessa forma evita que ela veja a fatia que será dada, garantindo a imparcialidade.
Em algumas famílias separa-se a parte “do pobre” ou do “bom Deus”, que geralmente é servida aos visitantes inesperados.

Para mim esta tradição só é válida quando são muitas pessoas, aqui em casa como somos três adaptamos esta parte ou chamamos os amigos para a brincadeira. Sempre compramos o menor tamanho da torta.

Há uma uma fava escondida (atualmente são bonequinhos de porcelana). Quem achar a fava é coroado o rei do dia e tem a responsabilidade de comprar a galette do próximo ano. O rei ou rainha do dia tem o direito de usar a coroa dourada de papelão que vem no kit o dia todo.

As crianças adoram e algumas até colecionam os bonequinhos. Para ficar mais atrativo, atualmente você encontra bonequinhos com temas Disney, Star wars, além dos tradicionais em forma de Santinhos, Reis e cavaleiros. Podemos encontrar até jóias usadas como fava, nestes casos a galete passa a custar bem caro.

Existe até um museu de favas. O museu de Blain é o único museu de fava na França e tem mais de 20 mil tipos de favas em exposição. Blain é uma pequena cidade que fica perto de Nantes e a 4 horas de Paris de carro.

                              Afinal o que é a galete?

Nada mais é do que uma torta de massa folheada, recheada com frangipane (massa de amêndoas). Atualmente existem várias versões  de recheio: compota de maçã, chocolate, frutas vermelhas. Em algumas regiões da França ao invés de torta de massa folheada existe um bolo tipo brioche. Em Clermont é com massa folheada mesmo.

Você pode comprar a galete pronta ou o kit galete para fazer em casa.
O kit vem com com a fava, a coroa e uma preparação para o frangipane. A massa folheada é comprada a parte ou você mesmo pode fazer. Algumas pessoas colocam rum no recheio e fica bom.

A galete é um prato típico da região da Bretanha, mas em janeiro passa a ser da França inteira.

                            Concursos e guia de galete

Em alguns lugares da França existem concursos de melhor galete da região, onde reúnem-se os melhores confeiteiros para mostrar as suas criações.
Vale a criatividade nos recheios: desde o tradicional com amêndoas até chocolate com nozes.

No site Sortiraparis foi feita uma seleção das melhores galetes de Paris 2018 para degustar.

E você? Já provou alguma galete? Eu prefiro as artesanais são mais gostosas do que as industriais. Mesmo com todas as variedades de recheio, para mim o de amêndoas ainda é o melhor.

Se vier à França em janeiro, não perca a oportunidade de provar esta famosa iguaria.

E você já provou o galete de Reis? Espero o seu comentário!

4 Comentários

  1. Eu conheço esta tradição no dia 06/01, que é o dia de Reis.
    Na minha casa a gente comemorava este dia com a compra do Bolo de Reis.
    Acredito que aqui no Brasil esta tradição já está Acabando.
    É muito importante mantermos as tradições.

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.