BrasileirasPeloMundo.com
EUA Melhores bairros e onde morar Nova Iorque

Onde morar em Nova Iorque?

Onde morar em Nova Iorque?

Nova Iorque é a maior cidade dos Estados Unidos e também está entre as 30 maiores do mundo em termos de população. É muito bem organizada em 5 regiões/condados: Queens, Brooklyn, Bronx, Manhattan e Staten Island. As regiões são bem diferentes uma da outra e enquanto há inúmeras opções de lugares para comer, fazer turismo e fazer compras, a personalidade da cidade é herdada das centenas de pequenos bairros, dessas 5 regiões, que por conta de suas culturas distintas mais parecem pequenas cidades.

Tentarei fazer um apanhado resumido de cada uma delas:

Queens: é a porta de entrada para Nova Iorque, já que dois aeroportos, o La Guardia  e o John F. Kennedy, ficam na região. Podemos dizer que o Queens é uma mistura enorme de nacionalidades, onde encontra-se de tudo um pouco, inclusive Astoria, que já foi tema de um post meu aqui, onde vive uma grande comunidade brasileira. Outras grandes comunidades são as gregas, as italianas, as chinesas e as latinas em geral. A arquitetura é bem antiga, mas observamos um movimento (lento) de modernização. Além disso, os amantes dos esportes podem assistir os Mets (time de beisebol de Nova Iorque) jogarem no Citi Field, onde quase ao lado acontece o US Open, que recebe anualmente os melhores jogadores de tênis do mundo.

Brooklyn: a região que valorizou muito nos últimos anos, antigamente era conhecida como “do outro lado da ponte” e tinha até alguns taxistas de Manhattan que não queriam ir para lá. O Brooklyn de hoje é vibrante, moderno e super eclético. Fica no sudoeste de Nova Iorque e a oeste de Long Island. Ao norte, o Brooklyn faz fronteira com o Queens. Com um território de 251 km², sua popularidade pode ser comprovada pelo número de moradores: mais de 2,6 milhões de habitantes moram no Brooklyn. Essa é a região mais populosa de todos os 5 condados. Ótima vida noturna, reconhecida gastronomia, moderno e multicultural. O local oferece muitas opções de lazer, é onde fica a casa dos Nets (time de basquete), o Brooklyn Bridge Park, o Greenwood Friedhof, o Brooklyn Botanic Garden, o Prospect Park e o Museu do Brooklyn. Eu já dediquei dois post sobre: aqui e aqui. O Brooklyn é até chamado de a “nova Manhattan” por alguns. Os preços de aluguéis de apartamentos variam bastante, os mais próximos a Manhattan chegam a ter preços iguais aos da ilha.

Brooklyn (Foto: arquivo pessoal, reprodução não autorizada).

Bronx: sem falar que é o berço do hip hop, a região é famosa por ser a casa dos Yankees e por ser onde está localizado o Jardim Botânico, lindo e enooorme. E apesar do mais famoso Zoológico da cidade ser o do Central Park em Manhattan, é no Bronx que está o maior de todos (100 hectares). O que a maioria das pessoas não sabem é que o sul da região do Bronx está cheio de art deco e de muitas atrações culturais da Fordham e Belmont (2 bairros do Bronx). Aluguéis de apartamentos têm custos mais atrativos do que as outras regiões de Nova Iorque.

Leia também: Vistos para morar nos EUA

Manhattan: ah Manhattan! Quando as pessoas pensam em NY, é Manhattan o primeiro lugar que elas imaginam. A mais famosa, desejada, agitada e vibrante de todas as regiões, onde fica a 5a avenida, a Time Square, o Empire State Building, o Central Park e a Broadway. As ruas são divididas em quadras e são numeradas. Em Manhattan há outra divisão de regiões: downtown, midtown e uptown e os bairros em cada uma delas, que rendem assunto para outro post. Sem dúvida nenhuma, a mais cara de todas as regiões e também a mais lotada de turistas (o que pode atrapalhar sua rotina). É muito difícil, para não dizer impossível, encontrar um apartamento de 1 quarto para alugar por menos de 3.500 dólares por mês. Podemos considerar ser um dos maiores custos de vida do mundo, que está completamente de acordo com um dos locais mais mágicos do mundo para se morar.

Staten Island: é o menor condado de Nova Iorque, com cerca de 500 mil habitantes. Também é onde pode-se ter um estilo de vida mais tranquilo em relação aos outros condados da cidade, mais familiar e menos turística. Para chegar até lá, de Manhattan há uma balsa gratuita que funciona 24 horas por dia.

Algumas dicas para escolher onde morar:

  • escolher uma das 5 regiões e, se possível, antes de mudar passar alguns dias nela para poder “sentir” a energia local;
  • depois se aprofundar na região escolhida, conhecer os bairros, a vizinhança;
  • ter em mente o quanto você precisará se deslocar no seu dia-a-dia e para onde, o quão fácil seria isso lá e se há metrô e ônibus de fácil acesso;
  • quais tipos de comércio que você precisará ter fácil acesso: supermercado, farmácia, hospital, pet shop, escola, academia, etc;
  • quais atrativos o seu futuro bairro precisa ter para tornar a sua rotina mais agradável: restaurantes, bares, baladas, museus, cinema, teatro, etc;
  • converse com as pessoas que moram no local, não há opinião melhor do que a de quem já mora lá;
  • pesquise sobre a segurança em geral; e
  • visite o local em dias e horários da semana diferentes.

Não é uma busca fácil e rápida de ser feita, dá trabalho e exige um pouco de empenho e energia,mas para ter a vida agitada e com experiências incríveis que Nova Iorque pode te proporcionar, vale tudo muito a pena! Boa sorte.

Related posts

Napa Valley: a região dos vinhos, sem armadilhas  

Letícia Cavalcante

A epidemia de obesidade nos EUA

Ana Tavela

As aventuras do meu pai em Portland

Lorena Nascimento

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação