BrasileirasPeloMundo.com
Canadá

Por que morar em Vancouver?

Por que morar em Vancouver?

O Canadá nunca foi uma opção de país para morar. Visitar talvez, mas mesmo assim não estava na minha lista do Top 10. Não era a primeira nem a segunda ou até mesmo a terceira opção, para ser bem sincera. Nunca prestei devida atenção à ele, sempre o enxerguei como um coadjuvante e nunca pensei que pudesse ser protagonista na minha vida. Na minha ignorância, quando pensava em Canadá, me vinha a cabeça montanhas com neve, frio extremo, ursos polares, paisagens de tirar o fôlego e só. Não podia estar mais enganada!

Quando decidimos morar fora, logo pensamos nos Estados Unidos, seguido pela Austrália. Já morei nos dois países e os conheço de outros carnavais. Tenho um alto flerte com os dois.

 

Comecei a estudar e pesquisar as possibilidades e o Estados Unidos logo se tornou inviável pela difícil política de imigração e dificuldade em conseguir um visto de trabalho. Já Austrália é muito longe quando se pensa em viver a longo prazo. Pensamos em Londres, Portugal, até que um belo dia, um casal de amigos contou que estava no processo de mudança para o Canadá e plantaram a sementinha da curiosidade em nós.

Aos poucos comecei a pesquisar o país, a devorar informações, ler blogs, ver vídeos, conversar com quem já morava lá e não demorou muito para me encantar e tomarmos a decisão final. Vamos para o Canadá!

1

Somos uma família de 3. O nosso principal objetivo em sair do Brasil era a busca pela tão sonhada qualidade de vida e segurança, itens raros no nosso país de origem. Queria proporcionar para minha filha (uma linda menina de 3 anos) uma melhor educação e a liberdade de andar despreocupada e sem medo. Descobri que o Canadá poderia ser exatamente o que estávamos buscando. E após 01 ano de planejamento, aqui estamos nós.

Escolhemos Vancouver para ser nosso novo lar. Alguns motivos em especial nos trouxeram até aqui:

4

Clima 

O clima em Vancouver é o mais ameno no Canadá. Sou carioca e extremamente friorenta (daquelas que quando cai um pouco a temperatura, veste logo bota e cachecol). Não me imaginaria em um lugar que pudesse chegar a -30 e que tivesse neve até o joelho.

Mercado de trabalho

Sou produtora de televisão e Vancouver tem um mercado super aquecido. É conhecida como Hollywood do Norte, pois é o terceiro maior polo de gravações apenas atrás de Los Angeles e Nova York. As belíssimas paisagens e o preço mais acessível fazem de Vancouver uma cidade atrativa para a gravação de filmes e seriados. É comum encontrar uma gravação em qualquer esquina da cidade.

Vida ao ar livre

Prezo muito a vida ao ar livre e o contato com a natureza. Vancouver proporciona isso. É uma cidade linda que mistura montanha, mar, lagos. Você pode esquiar pela manhã na cidade e andar de stand up paddle a tarde.

Quase como uma gestação, após tantos meses esperando sua chegada, Vancouver se fez real diante dos nossos olhos. Chegamos! Alívio, tensão, medo, ansiedade, borboletas no estômago.

Expectativas crescentes de um futuro real e possível. Uma conquista! A vida de um imigrante se faz de pequenas vitórias e esta foi apenas a primeira, porém a mais importante.

Algumas de minhas primeiras impressões sobre Vancouver

Atividade para crianças

O Canadá é um país extremamente preocupado com a educação das crianças. São tantos programas oferecidos pelo governo, atividades nas bibliotecas públicas, nos communities centers (uma espécie de comunidade do bairro). Já dizia o filósofo Pitágoras ”Eduquem as crianças e não será necessário castigar os homens”.

Acessibilidade

O número de cadeirantes, idosos e pessoas especiais circulando pela cidade, andando de ônibus e metrô é enorme, pois o acesso é fácil. No Brasil, quase não via cadeirantes ou idosos andando livremente pela rua. Não que aqui tenha mais do que lá, a diferença é que aqui eles tem autonomia e liberdade de ir e vir sozinhos. A cidade proporciona isso.

Educação 

Ah, como estava carente de pessoas educadas. Pessoas que falam por favor e obrigada, que sorriem na rua para você sem motivo, que abrem a porta do restaurante, que te oferecem ajuda quando está com um carrinho de bebê, que não buzinam no trânsito, que não jogam lixo no chão.

Transporte público

No Brasil só andávamos de carro. Tínhamos dois carros na garagem e era impensável depender de transporte público. Pois aqui decidimos que não teremos carro, por enquanto. Não é necessário. Estamos nos locomovendo perfeitamente de ônibus, metrô e bicicleta. E ainda contribuímos com o meio ambiente, afinal Vancouver é uma das cidades mais green do mundo.

Diversidade cultural

O Canadá é um país multicultural. Ando na rua e escuto várias línguas misturadas. Vejo brasileiros, chineses, indianos, franceses, ingleses. Todos convivendo juntos e misturados, cada um com sua cultura e hábitos particulares, mas vivendo em harmonia e comunidade.

3

Sou uma recém chegada muito feliz com a cidade e país que escolhi e que tão bem me acolheu.

Ainda temos uma longa jornada pela frente, estamos na fase da adaptação. Meu marido começou o mestrado, Catarina em breve começará na escola e eu vou à luta na busca por um emprego. Mas com um sorriso largo no rosto e a certeza de que fizemos a escolha certa.

Viva Vancouver! Viva o Canadá!

Related posts

Transporte público em Toronto

Grasiela Martins Vicentini

10 Atrações turísticas em Calgary, no Canadá

Elisa Rabello

5 motivos para não morar em Victoria, no Canadá

Priscila Carda

22 comentários

Tati Berlim Junho 6, 2016 at 12:18 am

Minha idala ! Sucesso e nos Vemos ai Em breve !

Resposta
Isabel Arruda Junho 6, 2016 at 10:40 pm

Nos vemos em breve! Venha desbravar o Canadá junto com a gente 🙂

Resposta
Dina Junho 6, 2016 at 5:57 am

Que talento pra escrever hein?!? Adorei o texto !!!! parabéns pela escolha, a Cacá irá agradecer por esta prova d amor de vcs por ela, por resto da vida dela. Sejam muito felizes!!!

Resposta
Isabel Arruda Junho 6, 2016 at 10:43 pm

Obrigada Dina! Cacá ainda não tem dimensão do que estamos vivendo, mas ela já sente a liberdade que nunca teve. Ela que nos dá força nos dias mais dificeis! Beijão e fico feliz por estarmos vivendo isso juntas 🙂

Resposta
Roger Zancheta Junho 6, 2016 at 3:33 pm

Oi Isabel, é bom saber que se adaptou bem em Vancouver. Eu estive aí em 2011 por 02 meses (estudo) e adorei a cidade e principalmente as belas paisagens, incluindo belas praias por incrível que pareça. Mas não são tudo flores como você está pintando. Vancouver é uma cidade com o melhor clima do Canadá sim, mas chove praticamente o ano todo (daí o apelido de Raincouver), o trânsito é lento, e as pessoas buzinam sim (não tanto como no Brasil é claro) e o transporte público apesar de muito eficiente e pontual é muito cheio já que a cidade já está bem povoada, depois de várias propagandas positivas sobre o lugar. Um aluno meu acabou de voltar de Vancouver e disse que a cidade já não tem mais aquele encanto de outrora. Informação confirmada por um primo meu que também mora aí. Pra terminar, é bom lembrar os assinantes do Blog que Vancouver é uma das, se não for a mais, Cara pra viver de todo o Canadá, mesmo tendo um bom emprego. O valor de moradia, tanto para comprar quanto para alugar é absurdamente caro…e olha que não estou fazendo conversão real x dollar.
Mas enfim, você definitivamente está num ótimo lugar pra viver, principalmente no quesito Educação para os filhos. Boa sorte!

Resposta
Isabel Arruda Junho 6, 2016 at 10:55 pm

Olá Roger,
Obrigada! Realmente é uma excelente cidade para se criar os filhos. Lembrando que escrevo sobre as minhas próprias experiencias e não estou tentando pintar um cenário perfeito, aonde tudo são flores. Estou apenas dando minha opinião como uma recém chegada e posso dizer que as minhas primeiras impressões tem me surpreendido positivamente. Não conheci a cidade de outrora que seu aluno conheceu, mas a cidade que estou conhecendo tem me encantado bastante. Acho sim que tudo é muito funcional, a prestação de serviço é excelente e as pessoas educadas. Outra questão é sobre ser uma cidade cara. Isso eu discordo de você. Realmente o aluguel é muito caro e tem trazido problemas para os residentes pela bolha no mercado imobiliário. Porém fora isso, acho as coisas aqui muito mais baratas que no Brasil. Eu morava no Rio de Janeiro, então essa é a minha base de comparação. Roupa, comida, restaurante, móveis para montar a casa, entretenimento, tudo isso tenho achado muito mais barato aqui.
Estamos nos adptando aos poucos e descobrindo cada dia coisas novas. Vamos ver o que o futuro nos aguarda! 🙂

Resposta
Elisa Brenner Borges Junho 6, 2016 at 5:26 pm

Oi Isabel,
Seja bem vinda ao Canadá e ao blog.
Conheço muito pouco de Vancouver, fui aí só a passeio no começo do ano e amei!
Parabéns pelo post.
Beijos

Resposta
Isabel Arruda Junho 6, 2016 at 10:56 pm

Olá Elisa!
Muito obrigada! To adorando colaborar e sei que vou conhecer pessoas incríveis por aqui. 🙂
Estou amando Vancouver, chegamos em uma ótima época. Vou ler sobre Edmonton através dos seus relatos
Beijos!!!

Resposta
Laura Junho 6, 2016 at 5:45 pm

Muito bom o texto Isabe, bem escrito, leve, fácil de ler. Vancouver é tudo isso e muito mais. E vocês serão muito felizes nessa nova experiência de vida. Sucesso!

Resposta
Cerize Junho 6, 2016 at 6:51 pm

Que perfeito Isabel!!! Sempre penso que se fosse jovem como vcs estaria fazendo esta mesma escolha !!! Parabéns pela iniciativa e escolha pois tenho certeza que serão bem sucedidos e estarão abrindo caminho pra que outros Tb o façam!!!bjs nos 3!

Resposta
Isabel Arruda Junho 6, 2016 at 11:03 pm

Oi Cerize,
Não foi uma decisão fácil, mas tenho certeza que a mais acertada. Estamos vivendo uma experiência única e isso é muito legal! Aos poucos vamos achando o nosso caminho por aqui. E se puder inspirar ou ajudar alguém, essa é a minha recompensa 🙂
Muitos beijos!

Resposta
Elisângela Britto Junho 7, 2016 at 11:37 pm

Minha musa inspiradora, exemplo de amiga, chefe, mãe e esposa! Sabe o quanto te admiro como ser humano né, será sempre a Belzinha! Parabénssss, estarei sempre aqui na torcida pelo melhor e acompanhando tudo de pertinho! Você merece colher muitas pétalas no seu caminho! Saudade, beijos em todos e um bem especial na pulguinha! ❤️????????

Resposta
Ana Junho 10, 2016 at 1:19 am

Olá Isabel!
Gostaria de saber por qual processo de imigracao vocês foram para o Canada? Foi fácil de aplicar?
E sobre Portugal? Por que vocês preferiram o Canada?
Tenho interesse nesses 2 países e é difícil tomar uma decisão…
Bjs
Ana

Resposta
Isabel Arruda Junho 13, 2016 at 6:46 pm

Olá Ana, tudo bem?!
Nós viemos através de programa de estudo. Meu marido veio fazer um metrado por dois anos e sendo sua cônjuge, tenho direito automaticamente a visto de trabalho. Ele também pode trabalhar, mas somente part time por ser estudante. Nós contratamos uma empresa muito bacana que nos auxiliou com o processo. Eles ficam aqui em Vancouver, mas tem sedes no Rio de Janeiro, São Paulo e algumas outras cidades do Brasil. a empresa se chama Immi Canadá e super recomendo.
Portugal passamos o olho somente, não fomos a fundo na pesquisa. Para nós o Canadá tem um mercado de trabalho mais aberto. Não sei como Portugal está saindo da crise, então pensamos um pouco e já mudamos o foco pro Canadá.
Boa sorte!!!
Beijos, Bel

Resposta
Carina Junho 15, 2016 at 3:34 pm

Olá Isabel,

A empresa que mencionou lhes auxiliou apenas com o visto ou também com o aplication para o mestrado? Estou me preparando para o Ielts e depois pretendo aplicar para um Llm e Vancouver é uma opção. Ainda estou pesquisando universidades com cursos em Direito. Teria alguma dica ou consegue algum brasileiro q faça pos ou mestrado em Direito aí para compartilhar experiências? Outra dúvida é sobre o custo de moradia, já que iria com 2 filhos. Vocês alugaram casa ou apartamento? Decidiram de acordo com a escola para sua filha? Que local indica? Desculpe pela quantidade de perguntas e obrigada!

Resposta
Isabel Arruda Junho 16, 2016 at 2:24 am

Olá carina,
Tudo bem?!
Na verdade são duas empresas diferentes. A Immi Canadá auxilia com a parte do visto e a 3RA auxilia com a parte do estudo. Eles são casados e cada um cuida de uma empresa. Super indico. Vale a pena entrar em contato e eles o primeiro passo é fazer uma sessão de skype para entender o que estão buscando, dar ideias, propor coisas novas e por aí vai…muito bacana!
Direito sei que é mais complicado, pois tem que fazer a validação do diploma, né?!MAs não sei direito como é esse processo.
Custo de vida e moradia vai depender muito de onde vão morar. Se morarem mais afastado, mais barato. Mas em compensação, mais perto gasta menos com transporte e por aí vai. Depende também daonde for a faculdade que irá estudar. De repente vale mais a pena ficar perto. Nós alugamos um apartamento ótimo, a 10 min de downtonw em uma área que estamos amando. A região que moro chama Fairview e é uma delicia 🙂 Estou contando que gastaremos uma média de 4.000 mensais, incluindo daycare para minha filha.
Qualquer dúvida, fique a vontade para perguntar. Sei que este inicio de planejamento é super dificil. estamos aqui para ajudar 🙂
beijos e boa sorte!

Resposta
Luciana Junho 21, 2016 at 11:26 pm

Oi Isabel, muito legal seu texto!
Não é difícil se apaixonar por um lugar assim…
Gostaria de saber se existe algum programa onde o casal, sendo um deles estuda o inglês enquanto o conjuge recebe o visto de trabalho?
E existe trabalhos de maquiadora em Vancouver?
Obrigada

Resposta
Isabel Arruda Junho 22, 2016 at 4:12 am

Olá Luciana,
tudo bem?! Que bom qe gostou do etxto, realmente Vancouver é apaixonante 🙂
Se um dos dois for estudar apenas inglês, não receberá o visto de estudo. Para o conjugê ter direito a visto de trabalho, o aplicante principal tem que fazer um curso superior a 8 meses e não pode ser um certificado.
Nós viemos nesse programa, mas meu marido está fazendo um mestrado por 2 anos e eu com visto de trabalho.
O mercado de filmes aqui é enorme. Vancouver recebe muitas gravações de filmes, seriados, programas de TV e por aí vai, então imagino que o mercado para de make iu deve ser aquecido também. Mas isso é só o meu palpite… 😉
Boa sorte!!
beijos, Isabel

Resposta
Luciana Junho 23, 2016 at 12:20 pm

Thanks!????

Resposta
Nicole S Chaves Outubro 17, 2017 at 3:47 pm

Oi, Isabel

Sou escritora e estou querendo ir para a Vancouver, já que o mercado para filmes e séries é tão aquecida. Só que estou com dificuldade de encontrar programas de estudo que possam depois me permitir ter um PGWP. Você conhece algum? Os que encontrei não são cadastrados para isto, ao final do curso teria que retornar ao Brasil

Resposta
Liliane Oliveira Outubro 18, 2017 at 1:22 pm

Olá Nicole!
A Isabel Arruda parou de colaborar conosco, mas temos outras colunistas no Canadá.
Você pode entrar em contato com elas deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Primeira experiência de retorno ao Brasil com um bebê Abril 28, 2018 at 1:11 pm

[…] saber mais sobre o Canadá? Leia sobre Toronto, Vancouver e […]

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação