BrasileirasPeloMundo.com
EUA Restaurantes Pelo Mundo

São Francisco tem os melhores restaurantes dos EUA, segundo Guia Michelin

São Francisco tem os melhores restaurantes dos EUA, segundo Guia Michelin.

Embora Nova York seja um dos polos da gastronomia mundial, na sua edição de 2018, o Guia Michelin surpreendeu: pela primeira vez em sua história São Francisco ultrapassou Nova York na quantidade de restaurantes premiados com três estrelas Michelin e se tornou, oficialmente, a cidade com os melhores restaurantes dos Estados Unidos.

Mudar para São Francisco, para uma pessoa aficionada por comida (“foodie”) como eu, foi um prato cheio. Cresci cercada por uma família de italianos, portugueses e comida de qualidade. Meu avô era um italiano que passava seus domingos na cozinha cantando e dançando, enquanto fazia massa, polenta e molhos.

Após passar dois anos em Manchester, no Reino Unido, confesso que perdi um pouco o prazer em comer fora. Não é uma verdade absoluta, mas a comida inglesa de maneira geral não é minha favorita. Devido aos tempos de guerra e à escassez de especiarias que estes causaram, a comida tradicional inglesa não raro deixa aquele gosto insosso na boca. O inglês, de maneira geral, aprecia muito comida com entrega em casa (o que tem seus méritos, mas não se compara ao trabalho dos melhores chefs do mundo) e tive muitas experiências negativas em restaurantes caros por lá. Na Califórnia, tudo foi diferente.

O que é o Guia Michelin?

O Guia Michelin avalia os restaurantes mais prestigiados do mundo. Desde 1926, ele premia, de forma muito criteriosa, pouquíssimos restaurantes com estrelas:

  • Uma estrela: significa que o restaurante é muito bom em sua categoria;
  • Duas estrelas: significa que a cozinha e excelente, digna de um desvio de caminho durante suas viagens para conferir os pratos; 
  • Três estrelas: significa que a comida é excepcional e merece uma viagem até a cidade, só para fazer uma visita especial. Menos de 200 restaurantes no mundo receberam essa classificação.

Leia também: Como funciona a gorjeta nos Estados Unidos

A experiência de comer em um restaurante com estrelas Michelin

Esse ano resolvi aproveitar que estou morando por aqui para descobrir exatamente a sensação de comer num desses estabelecimentos e vale a pena dividir a experiência com vocês. Tive a chance de visitar dois deles e outros três estão na lista para o próximo trimestre.

Restaurantes com estrelas Michelin variam amplamente na experiência que proporcionam a seus visitantes. Alguns deles te oferecem um menu surpresa, no qual você não terá ideia do próximo prato que será servido e está entregue ao desconhecido. A ideia é que você deguste pratos que trazem uma explosão de sabores a sua boca, combinando salgado, doce, ácido e apimentado, com texturas variadas, cozimento perfeitos e uma apresentação impecável. Não é apenas um mero jantar, mas uma experiência que te fará viajar sem sair da mesa, com serviço excepcional.  

O que todos onde fui ou aos que almejo ir têm em comum é o fato de oferecerem um “menu de degustação”.  Nesse menu, você não opta, o chefe escolhe por você: vários pratos pequenos são servidos, numa ordem que se complementam desde surpresas especiais do chefe, aperitivos, entradas, pratos principais e sobremesas. Num deles a lista era de mais de 10 pratos. Alguns chegam a trazer até 18 pratos.

A experiência foi inesquecível. Minha primeira escolha foi de um restaurante italiano: Acquarello. O menu era especial por conta de ser época de trufas (fungos de sabor esplêndido que são produzidas apenas pela natureza que demandam muita mão de obra para serem encontradas com o uso de cães e porcos farejadores e tem apenas 36 horas para serem consumidos após colhidos). Todos os itens do menu era feitos com trufas e tinham sabor incomparável.

Minha segunda experiência foi no Keiko Nob Hill, numa experiência chamada “omakase”, que significa em japonês: “deixo para você escolher”. Nessa experiência o chef escolhe sua ordem e te surpreende a cada prato (diferente do primeiro, você não verá o menu em suas mãos antes de ser servido). Você pediu uma refeição excelente e é isso que terá. Nessa experiência você interage com o chefe, assiste a comida sendo feita com vista para a cozinha e, no final, paga um preço também misterioso. Comparo o que vivi a comprar um ingresso para uma montanha-russa no escuro. Inesquecível.

Leia também: Visto para morar nos Estados Unidos

Restaurantes com três estrelas Michelin em SF para 2019

The French Laundry é provavelmente o restaurante com três estrelas Michelin mais famoso da Califórnia. Localizado próximo do Vale de Napa e pertencente ao famoso chef Thomas Keller, esse ícone da culinária do estado serve um menu degustação que muda todos os dias e oferece o melhor da culinária francesa. Dele saíram muitos dos chefes que comandam outros restaurantes Michelin da região. Mas fazer reservas é uma missão quase impossível.

The Restaurant at Meadowood, também localizado em Napa, traz a comida americana da fazenda para a mesa, acompanhada de vinhos excepcionais.

Single Thread Farm, (adivinha onde?) em Napa, entrou na lista esse ano e não é difícil de conseguir fazer uma reserva. O chef se especializa em culinária japonesa e francesa. Já a esposa é fazendeira e produz todos ingredientes em sua fazenda. A combinação fica imbatível.  

Alguns que ficam na cidade de São Francisco são o Quince, que serve comida californiana contemporânea com fortes influências italianas. O Benu, que tem comida americana moderna, inspirada em cozinha asiática. Saison, de culinária americana com influência francesa, tem sua cozinha aberta, criativa, luxuosa e está localizado num prédio histórico. O Atelier Crenn, com culinária californiana (fazenda-para-mesa) e técnica francesa, construído em homenagem ao pai da chef, Dominique Crenn, com pinturas penduradas na paredes e os clientes são recebidos com um poema que simbolizará a comida a ser servida.

Por fim o Manresa, localizado perto de São José, no sul da Baía de São Francisco oferece o melhor da comida californiana orgânica.

Se você é um foodie como eu e ama viajar com os olhos, o paladar e o estômago, escolha uma data especial e se dê de presente uma dessas experiências. Assim como numa viagem internacional, as sensações vão permanecer em sua memória para sempre.

Related posts

A passagem do furacão Florence

Caroline Rebouças

Cinco coisas que admiro nos americanos

Liliane Oliveira

10 sorveterias populares em Toronto

Vanessa Murcilio

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação