BrasileirasPeloMundo.com
China

China – Vou te mandar para a China!

Primeiro muito prazer! Sou Christine Marote, uma brasileira que mora na China (mas não é exclusividade não! Tem centenas de brasileiras guerreiras que vem enfrentar as venturas e desventuras das terras de Mao).

E por causa disso – afinal quem não quer saber o quanto os ‘causos’ sobre a China são verdades ou lendas? – comecei a escrever um blog para deixar os amigos e a familia atualizados e não ter que ficar escrevendo mil vezes a mesma coisa em cada email. Por isso nasceu o ‘China Na Minha Vida’. Só que aí, descobri que escrever é muito bom e eu gosto disso. Descobri também que escrevo melhor do que falo (e olha que eu falo!) e a intenção de atualização caseira, que no meu entender não passariam de 2 meses, já tem 2 anos e com leitores que nem sequer imagino, mas que adoro.

Ainda descobri outros blogueiros, fiz amizades e dei entrevistas, uma delas no blog ‘Juicy Santos’,  que reúne blogs e informações da cidade de Santos e região. Eles tem um espaço chamado ‘Santistas Por Aí’, como eu e a Ann, que estamos  pelo mundo ou do outro lado desse mundo. Tudo é uma questão de que lado você está.

E aí… cheguei aqui! No ‘Brasileiras Pelo Mundo’.

Bom, mas deixa eu pegar meu foco, porque estou careca de saber que o que vocês querem mesmo é ler sobre a vida na China. Aliás todo mundo quer…mas isso gente, é uma longa, enorme e gigantesca história e para começar, que seja de um ponto de partida, certo?

Brasileiras, me respondam: quando não queremos ver uma pessoa nunca mais na vida, ou quando estamos bem irritadas com alguém, o que queremos fazer com ela?

Mandar aquele individuo para a… CHINA! Ou seja, para bem longe, para o outro lado do mundo. Exatamente onde estou agora! O pior é que o vicio de uma expressão é cruel, porque às vezes mando alguém para a China e lembro que estou na China, mas é tão esquisito pensar: vou te mandar para o Brasil! Não rola.

Em 2004, uma amiga me perguntou sobre o meu marido, por que fazia tempo que ela não o via, eu disse (naturalmente, claro): está na China. Ela parou, me segurou pelo braço, arregalou os olhos e disse: de novo? Você se divorciou de novo?? (calma gente, só foi um divórcio mesmo). Eu juro que não entendi e respondi que ‘não, imagina’. Aí ela me olha e diz: mas você disse que mandou ele para a China!!! Bom, ai quem ficou com olhos arregalados fui eu e só pude começar a rir até chorar.

Disse: calma, ele foi LITERALMENTE para a China, de avião, viagem, trabalho, entende? Ele volta em 3 meses, foi para ficar 6.

Por aí vocês podem imaginar como foi minha vida de 2004 a 2008 enquanto ele estava na China e eu no Brasil. Sim porque os 6 meses não acabaram até hoje! Mas tivemos a fase da ponte-aérea Brasil-China, que foram os primeiros 4 anos. Em 2009, como sempre digo, ele foi transferido de Chang Chun para Shanghai e viemos de mala, cuia e filhos.

Outra pergunta que é inevitável quando falo que moro na China, depois do olhar de dó das pessoas, é ‘o que você come lá?’. Comida, oras rs!!  Sinceramente, em Chang Chun, ou qualquer outro lugar da China REAL, realmente a coisa é meio complicada, pelo menos até você descobrir o que e e como pedir, depois disso é facil, fácil. Principalmente se você optar por passar o resto da vida comendo a mesma comida! =]

Mas na realidade para viver na China real, tem que se estar aberto ao novo, ao inusitado e a mudança de paladar.  A comida chinesa é muito boa, tirando aquelas esquisitices que existem sim, mas só se come se quiser ou… se não souber o que é. Ah, esqueçam ‘China in Box’, isso não é referencia de comida chinesa.

Agora em Shanghai, ai lhe apresento o paraíso na China. Você quer comer o que? Comida grega? Tem uns 8 restaurantes. Italiana? OMG… desse devem existir centenas. Brasileira? E como não? Baxi chi fàn! Comida brasileira e muito boa. Claro que temos que lembrar que estamos na China, e tudo fica um pouco mais restrito, tem que usar a criatividade, mas quando dá aquela saudade, vou lá e como picanha até não poder mais. AMO (sorry, Ann)!

O que trago na mala são as guloseimas: doce de leite, goiabada, paçoca… essas coisas.

Só que se você sai dos limites da cidade (meia hora de carro), essa multi-culturalidade ‘meyou’ (acabou)! Voltamos a China real! Rs

Por hoje é só pessoal!

Pelo menos vocês já sabem que é possivel viver e sobreviver na China, caso contrário não estariam lendo isso. Deixem suas curiosidades aqui que vou respondendo. Visitem o blog, pois lá tem muitas ‘histórias da vida real’ chinesa e muita coisa sobre a cultura local, que é inesgotável. Uso muito os tópicos explicando os hábitos e costumes, pois acredito que quando entendemos porque as coisas acontencem desse ou daquele jeito, podemos ao menos respeitar, apesar de nem sempre concordar, afinal, estamos na ‘casa’ deles, nós somos os intrusos, os estrangeiros.

Aqui, todo mês, vou colocar um pouco do nosso sentimento de morar num pais tão diferente. As dificuldades que encontramos, o que ‘ser brasileiro’ nos ajuda na adaptação e claro, tirar as duvidas, contar alguns ‘causos’.

Um grande abraço e até a próxima!

“Aquele que souber adaptar-se será preservado até o fim.” Lao-Tse

 

Related posts

Morando em Dongguan na China

Tati Klaus

Fisioterapeuta brasileira na China

Christine Marote

10 cidades para conhecer na China

Christine Marote

26 comentários

Tati Sato Fevereiro 7, 2013 at 1:42 pm

Christine, eu AMEI o seu texto. Porque foi exatamente assim que os meus blogs surgiram (primeiro o Tatty in Dublin e depois o Trotamundos)! E, como você, descobri que escrevo melhor do que falo (e eu também falo muito!)!!! =) Amei!!! Moro nas Filipinas e tenho loucura por conhecer a China… Quem sabe ainda nesse ano eu não consiga te visitar? Ah, antes que eu me esqueça e diga adeus, bem-vinda ao blog!!! Um beijo!

Resposta
Christine Fevereiro 7, 2013 at 11:46 pm

Boa Tati, então precisamos fazer um ‘bem bolado’ pq sou louca para conhecer a Filipinas…rs
E sei que vc vai entender cada linha do que eu escrevo, pois no final estamos na Ásia e sempre há algo em comum.
Beijo.

Resposta
Marcia Mar Fevereiro 7, 2013 at 2:42 pm

Christine
Que bacana que moras na China, as Brasileiras povoando o mundo com sua ternura, beleza e palavras cheias de elegancia e firmeza.
Bjs
Marcia

Resposta
Christine Fevereiro 7, 2013 at 11:48 pm

Obrigada Márcia! Realmente nos, brasileiras, temos muita garra e determinação . Haja visto as histórias relatadas aqui. =]
Beijo.

Resposta
Ann Fevereiro 7, 2013 at 4:04 pm

Christine, tenho que admitir que para mim, a China e um dos lugares mais surreais para se morar (nao se sendo chines), do mundo rsrs. Perguntas tenho mil rs…mas, voce ja deixou transparecer que a imagem que pessoas como eu tem da China nao e totalmente correto. Looking forward para saber mais como e a vida por ai. Eu com certeza teria problemas com a alimentacao, nao gosto de quase nada da culinaria deles, portanto teria que viver nas lojas de produtos importados rsrsrs. Boa sorte por ai! 🙂

Resposta
Christine Fevereiro 7, 2013 at 11:51 pm

Ann, não se engane: a China é surreal! Hehehe
Mas a gente pode contornar as coisas, né? Afinal, somos brasileiras e não desistimos nunca!
Beijo e mais uma vez, obrigada por me receber no seu espaço. Adorei!

Resposta
Fernanda Franco Fevereiro 7, 2013 at 4:07 pm

Christine, parabens pelo texto, adorei a leitura e fiquei curiosa pra ler o seu blog e saber mais sobre este pais tao exotico.
Bjs, Fernanda

Resposta
Christine Fevereiro 7, 2013 at 11:53 pm

Oi Fernanda, obrigada e fique a vontade para visitar a China através das minhas historias! Rs
Quem sabe não será seu próximo roteiro de ferias?
Beijo.

Resposta
karla Fevereiro 7, 2013 at 4:51 pm

😉

Resposta
Daphne Fevereiro 7, 2013 at 4:57 pm

Adorei teu texto, rs, ironico e simpàtico. Ri alto ao ler o trecho da sua amiga perguntando sobre seu marido rssss
Tambèm sou de Santos, moro hà 7 anos na Italia. Legal conhecer mais uma ex patriata pelo mundo afora!
Bem vinda ao grupo!
Daphne

Resposta
Christine Fevereiro 8, 2013 at 12:05 am

Que legal Daphne, vc precisa dar seu relato ao Juicy Santos também! E vou te contar uma coisa: agora todo mundo fala que sou engraçada… Rs.
Isso no começo me chocou, mas agora eu vejo que realmente as pessoas se divertem com meus textos e fico feliz com isso. Mas acredite… Sou super séria!!!! Rs
E devo ir a Itália ainda esse… Meu marido sempre vai a serviço.
Beijo.

Resposta
Lyria Fevereiro 7, 2013 at 11:03 pm

Oi Christine !
Parabéns pelo texto! 🙂 gosto especialmente de dois pontos que penso que devem estar presentes na vida de qualquer pessoa.
1- “tem que se estar aberto ao novo”… 🙂
O engraçado é que deveríamos estar sempre abertos ao novo, em qualquer lugar, mesmo estando sempre no mesmo lugar. 🙂
Gosto especialmente de viajar e estar mais nas pequenas cidades que nas grandes. Aí conhece-se verdadeiramente a cultura e o povo.
2- O fato de explicar hábitos e costumes e dessa forma, respeitar. Para viver bem num meio multicultural é muito importante respeitar a diversidade. Claro que não precisamos gostar do que os outros gostam, nem concordar com costumes muito diferentes… (desde que não violem os direitos humanos)
Eu costumo sempre comer as comidas locais (desde que não me peçam para comer caracóis em Portugal, ou grilos e outras coisitas mais como comem os asiáticos).
Adaptar-se é fundamental. 🙂
bj

Resposta
Christine Marote Fevereiro 22, 2013 at 8:30 am

Oi Lyria. Obrigada pela visita e pelos comentários. Desculpa a demora na resposta, mas estava no Brasil e sempre o tempo lá é pouco. Fico feliz de estar conseguindo transmitir algo de bom para as pessoas, e como vc disse, deveríamos estar abertos ao novo sempre, em qualquer lugar. Com certeza as pessoas sofreriam menos. Sempre procurei ser assim, talvez por isso minha adaptação tenha sido um pouco menos dolorida. Mas no final é aprendizado e é isso que conta por aqui!
Beijo grande.

Resposta
Lenita Fevereiro 7, 2013 at 11:31 pm

Oi Christine,
Legal teu texto, adorei.
Parabéns pelas vitórias
beijos

Resposta
Christine Marote Fevereiro 22, 2013 at 8:25 am

Obrigada Lenita! Agora estamos entrando numa outra fase. Bj.

Resposta
Jussara Xavier Fevereiro 7, 2013 at 11:43 pm

Adorei o texto! Como sou leitora fiel já sei tudo (mentira!) sobre o olhar da Christine sobre a China, imperdível.
beijão

Resposta
Christine Marote Fevereiro 22, 2013 at 8:24 am

Sabe quase tudo, vai? Obrigada pela visita Jussara! Bj.

Resposta
Julianna Nery Bais Fevereiro 8, 2013 at 12:17 am

Saudades das nossas conversas!!!!!! Adorei ler, mesmo já sabendo…..

Resposta
Christine Marote Fevereiro 22, 2013 at 8:24 am

É só entrar no skype Ju. Tá vendo o que a China faz nas nossas vidas??rs
Sentimos saudades de quem nunca vimos…rs Beijo grande e te espero para colocar o papo em dia!

Resposta
Ana Lúcia Santoro Zambon Fevereiro 8, 2013 at 12:22 am

Parabéns Christine! Com certeza esse blog será tão bom quanto o outro!
Pergunta: Será que está cheio de pessoas “malas” enviadas para a China, por pessoas que não as aguentavam mais? Você identifica pessoas assim por aí com mais frequência??? rsrsrsr Será que vc foi parar aí também por esse motivo?? ahahhaha
NÃO!!! Acho que não!!! HEHEHEH
beijosss

Resposta
Christine Marote Fevereiro 22, 2013 at 8:22 am

Ai, Ana… espero que não, né? hehehe
Se bem que se vc perguntar para as minhas amigas LV, elas vão dizer em coro que armaram tudo para mim…rs
Saudades e obrigada pela visita. Esse blog é coletivo e tem histórias bem interessantes também. volte sempre. Bj.

Resposta
Erica Palmeira Fevereiro 10, 2013 at 1:29 am

Adorei seu texto, Christine :), que leitura gostosa! Eu moro na Austrália – que se bobear, ainda é mais longe do Brasil do que a China, rsrs – e há quase dois anos fomos à China, eu, o marido e os filhotes (na epoca com 3 anos e 10 meses respectivamente), por duas semanas. Foi uma das viagens mais interessantes que fizemos, senão a mais! Fomos apenas a Beijing, mas passeamos bastante. Fiquei absolutamente encantada com tudo por lá. Eu até conto no meu blog pessoal um pouco da nossa aventura e minhas impressões, especialmente sobre como fomos “perseguidos”, no bom sentido, por conta dos nossos meninos de olhos grandes e cílios longos – parecíamos nós a atração turística, rs, a cada dez passos, éramos parados pra que tirassem uma foto, rs. Anyways… viva as diferenças culturais! 🙂

Resposta
Christine Marote Fevereiro 22, 2013 at 8:20 am

Oi Erica, obrigada! E é realmente assim, parecemos nós a atração…rs E isso que Beijing já teve as olimpiadas de 2008, fato que facilitou demais a nossa vida. Agora tenta sair do perimetro urbano e roteiro turistico da capital… um caos. Se vc é loira ou tem olhos azuis, ou qualquer outra caracteristica especial… tá perdida. E como vc disse: viva as diferenças culturais! Abraço.

Resposta
De volta para casa. | China na minha vida Fevereiro 20, 2013 at 10:52 am

[…] mês fiz minha estréia (uiii) no Brasileiras pelo mundo, com o artigo “Vou te mandar para a China!”, afinal quem de vocês nunca quis mandar alguém para China uma vez na vida? Sempre que eu postar […]

Resposta
Ana Cristina Kolb Fevereiro 25, 2013 at 4:19 pm

Adsorei o Texto Christine! Vou com certeza visit<r o seu blog e vou adorar aprender mais sobre a sua experiencia de adaptaçao! Eu vivo na Suiça que de alguma forma é o oposto da China em todos os sentidos! rsrsrsrrsrsrs Seja bem vinda! Abraços Ana Kolb

Resposta
Christine Marote Junho 2, 2013 at 1:07 pm

hehehehe, Ana! mesmo sem ter lido isso, coloquei no ultimo post que temos que admitir que a China e o Brasil não são nenhuma Suiça…hehehe. Obrigada pelo endosso!!! hehehe
Beijo

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação