BrasileirasPeloMundo.com
Itália Turismo Pelo Mundo

5 passeios nas montanhas para fugir do estresse na Itália

Já que 2020 não está sendo fácil para ninguém, seguem 5 dicas de passeios nas montanhas para te inspirar a fugir do estresse na Itália; nem que seja apenas na imaginação!

Como se não bastasse ter sido um dos epicentros da pandemia de Covid-19 no mundo no início deste ano, a Itália volta a sofrer com uma segunda onda do vírus e novas restrições de circulação em ambientes públicos. O novo decreto, válido até 24 de novembro, recomenda permanecer em casa e evitar viagens que não sejam por motivos de trabalho, estudo ou saúde.

Neste cenário de tantos medos e incertezas, muitos italianos buscaram refúgio em um lugar em particular: a montanha. E o que não falta no Bel Paese são montanhas a se explorar – do Valle d’Aosta ao Friuli.

Abaixo, você encontrará algumas sugestões de aventuras próximas à Turim para se inspirar nestes meses difíceis. E, assim que for possível circular com mais tranquilidade pela Itália, é só pegar sua bota de trilha e aproveitar!

1 – Veja o lago de Ceresole Reale do alto

Imagine uma cidadezinha alpina na beira de um lago e com uma cadeia de montanhas ao fundo. Antiga residência de inverno dos Savoia, a família real italiana, Ceresole Reale (foto acima) é um dos destinos de fim de semana mais populares do Piemonte.

Se você deseja relaxar, fazer uma bela caminhada ao redor do lago será suficiente. Já quem tiver mais disposição poderá explorar alguma das muitas trilhas da região e ter a oportunidade de curtir uma vista privilegiada do lago e das montanhas.

Dicas práticas
  • Ceresole pode ser explorada em todas as estações do ano. No verão; para se refrescar tomando banho no lago. No outono e na primavera; para se aventurar fazendo caminhadas na montanha. E no inverno; para patinar no lago congelado.
  • Lembre-se que, por se tratar de um destino de montanha, a temperatura é imprevisível e, mesmo no verão, pode fazer frio. Tenha sempre um casaco à mão para não passar perrengue!
Como chegar à Ceresole Reale desde Turim
  • De carro são cerca de 80km pela autoestrada A5 e a viagem dura 1h30m.
  • Desde a estação de Porta Susa, pegue o trem com destino a Pont Canavese. De lá, pegue o ônibus para Ceresole Reale.
O bucólico Lago Laune te espera!   Foto: arquivo pessoal
2- Relaxe com um piquenique à beira do Lago Laune

O Piemonte possui inúmeros lagos com atrações para todos os gostos. Sugiro escapar das multidões e se dirigir ao Lago Laune, próximo à Sauze d’Oulx. Este lago alpino está localizado a 2 mil metros de altitude, sendo um ótimo lugar para fazer um piquenique e curtir a paisagem bucólica.

E, se sobrar energia, faça a caminhada de cerca de uma hora até o Faro degli Alpini, para curtir uma vista 360 graus das montanhas. É de tirar o fôlego!

Dicas práticas
  • É proibido nadar no Lago Laune e a pesca esportiva é liberada apenas para sócios da Associazione Sportiva Caccia, pesca ed ambiente di Sauze d’Oulx. É possível entrar para o clube ao custo de 35 euros.
  • Sauze d’Oulx é uma típica cidadezinha piemontesa; vale a pena tirar um tempo para explorá-la antes de voltar para Turim.
  • Esta região também possui inúmeras trilhas para os fãs de mountain bike.
Como chegar à Sauze d’Oulx desde Turim
  • De carro: a viagem de 90km dura cerca de 1h30m pela autoestrada A32.
  • Embarque no trem para Oulx na estação de Porta Nuova. Depois, pegue um ônibus com destino à Sauze d’Oulx.

Leia também: 10 motivos para morar em Turim, na Itália.

3- Aventure-se com um rapel pelas cachoeiras de Novalesa

Novalesa é um povoado de apenas 500 habitantes, cercado por cachoeiras e belezas naturais. Para os amantes do ecoturismo, o que não faltam são atrações; caiaque, escalada, rapel e trilhas nas montanhas.

Para quem prefere um passeio mais tranquilo, dá para relaxar explorando as atrações históricas da região. O destaque vai para a bem conservada Abadia de Novalesa, um monastério beneditino do século IX.

Dicas práticas
  • No verão, os mais corajosos podem se arriscar a nadar em algumas das cachoeiras de água gelada.
  • Já no inverno, Novalesa se transforma em um popular destino de escalada no gelo.
Como chegar à Novalesa
  • De carro são 60km saindo de Turim pela autoestrada A32. A duração é de apenas 1 hora de viagem.
  • A partir da estação de Porta Nuova, embarque no trem com destino à Susa. De lá, pegue um ônibus para Novalesa.
Até quem não é fã de exercício, vai se animar com essa vista em Salbertrand   Foto: arquivo pessoal
4- Faça um passeio de bicicleta pelo Gran Parco di Salbertrand

Para quem não tem carro, um destino fácil de se chegar de trem é Salbertrand. Aqui você estará na porta de entrada de um dos parques nacionais mais famosos do Piemonte, com inúmeras trilhas e lagos para explorar. A minha sugestão é alugar uma bike e curtir a paisagem sem pressa.

Dicas práticas
  • Nem todos os lagos de Salbertrand são liberados para o banho. Pergunte antes de pular na água.
  • Este é um destino muito popular o ano todo e costuma ficar cheio em feriados.
Como chegar à Salbertrand
  • De carro é só seguir pela autoestrada A32 por 80km. A viagem dura cerca de 1 hora.
  • Já o trem para Salbertrand sai da estação central de Porta Nuova, em Turim.
Ciaspolata em Bardonecchia, a caminhada na neve dos italianos   Foto: arquivo pessoal
5- Caminhe na neve em Bardonecchia

Um jeito bem interessante de explorar as montanhas no inverno, para quem não sabe esquiar, é fazendo uma ciaspolata. Tal atividade seria o equivalente a uma caminhada na neve, utilizando sapatos especiais como os da foto. Este sapatos podem ser alugados em estações de ski e o custo varia de 7 a 10 euros o par.

Dicas práticas
  • Compre ou alugue roupas e sapatos adequados para o frio antes de considerar a ciaspolata.
  • Andar na neve exige um esforço físico muito maior do que uma caminhada comum; esteja preparado!
Como chegar em Bardonecchia
  • De carro desde Turim, a viagem de 90km dura cerca de 1h30m pela autoestrada A32.
  • O trem com destino à Bardonecchia sai da estação de Porta Nuova, em Turim.

Leia mais: 10 cidades italianas para visitar no inverno 

Espero que logo, logo você possa colocar estas dicas em prática e passar alguns dias em contato com a natureza.

Até lá, respeite as novas medidas de combate ao coronavírus. Por mais duras que sejam estas restrições, é para garantir a saúde de todos nós. Stay safe! 

Related posts

Paris com crianças no verão europeu

Juliane Prado

10 castelos na Polônia para você conhecer

Gizelli Gliwic

Melhores praias na Comunidade Valenciana

Camile Wyatt

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação