As 5 frutas silvestres mais consumidas na Finlândia

0
292
Frutas silvestres, frutas vermelhas, Finlândia, frutas do bosque, alimentação, saúde,
Foto: Arquivo Pessoal

As 5 frutas silvestres mais consumidas na Finlândia.

Umas das coisas que os finlandeses não vivem sem durante o ano todo são as frutas silvestres. Elas nascem por todos os cantos do país e todos fazem questão de sair com suas cestas e colher o máximo possível para estocá-las no inverno. Há, inclusive, quem compre um freezer extra só para recheá-lo com elas.

E não tem como não aderir a essa tradição. Durante o verão, você nos encontrará enfiados na floresta, provavelmente com as mãos – e as bocas também – manchadas de roxo! Porque aqui é assim, metade vai pra cesta, metade para o nosso estômago (risos).

Na Finlândia existe uma lei que é a Everymen’s Rights que vem a ser o direito de todos os homens. Com ela, todo mundo pode usufruir das florestas, bosques, lagos e de tudo que o país tem a oferecer, sem que seja destruído. Portanto, todos podem colher frutas, contanto que seja para consumo próprio e sem estragar o meio ambiente.

Existem diversas frutas silvestres que são comestíveis, aqui. Porém, cinco delas são muito típicas e fazem parte do dia a dia das pessoas. Quase todas possuem finalidades similares na cozinha, mas outras são muito importantes para a saúde e outros ramos da indústria.

Morango Silvestre

Frutas silvestres, morangos, frutas vermelhas, Finlândia, frutas do bosque, alimentação, saúde,
Foto: arquivo pessoal

O morango silvestre é diferente de todos os outros que você já comprou no mercado. Para ser sincera, nunca o vi para vender aqui, mas o vi aos montes pela floresta. Eles são bem miúdos e deliciosos. Para usá-los em uma receita é necessário colher uma quantidade grande para render.

Os finlandeses extraem o néctar dele para colocar no mingau, de manhã; ou em tortas, misturando-o com ruibarbo! A mistura de sabor é sensacional.

Leia também: O que os finlandeses comem?

Mirtilo

Frutas silvestres, morangos, frutas vermelhas, Finlândia, frutas do bosque, alimentação, saúde,
Foto: arquivo pessoal

Esta é, com certeza, a fruta mais importante e com mais abundância no país. Por onde você anda na floresta, você tropeça em um arbustinho de mirtilo. O bilberry, que é a variedade encontrada na Finlândia, é um pouco diferente do tradicional blueberry que conhecemosTalvez a primeira coisa a se notar é o tamanho, pois é menor. Também possui um sabor sutil, aromático e um pouco mais forte que o blueberry.

Ademais, é um ótimo antioxidante e rico em vitaminas A, B e C. Contém manganês, cálcio e flavonoides e diminui o nível de açúcar do sangue. Dizem ser muito bom para os olhos e estômago. Por isso que os finlandeses comem quilos e quilos de mirtilo durante o ano todo. E usam, inclusive, como um preventivo de doenças, já que é tão benéfico para o organismo.

Na cozinha, ele pode ser encontrado nas deliciosas tortas, muffins, geleias, no mingau e também como néctar. Neste aqui, tanto para fazer suco como para usar como o morango, como calda para o mingau. O caldo de mirtilo quente é uma bebida energética muito utilizada pelos esquiadores finlandeses.

Framboesa Silvestre

Frutas silvestres, morangos, frutas vermelhas, Finlândia, frutas do bosque, alimentação, saúde,
Foto: arquivo pessoal

Preciso confessar: eu nunca comi uma framboesa TÃO deliciosa na minha vida como a que colhi aqui na floresta. Minha nossa! É a minha fruta favorita! As silvestres não são vendidas no mercado. Por isso, é necessário ir em busca de seus arbustos que normalmente ficam entre as árvores e ao redor de urtigas. É uma missão, mas saboreá-las compensa muito.

Ainda são ricas em vitaminas C, E e K, ácido fólico, ferro, manganês e potássio. Além dessas, é uma boa fonte – porém menor – de tiamina, vitamina B-6, cálcio, magnésio e fósforo. Ou seja, é uma fruta que vai fazer muito bem para a sua saúde.

É bastante utilizada em bolos, tortas e geleias. E, como as outras frutas vermelhas, também extraem seu néctar para utilizar a calda no mingau ou para fazer suco.

Lingonberry

Frutas silvestres, frutas vermelhas, Finlândia, frutas do bosque, alimentação, saúde,
Foto: Pinterest

A lingonberry é uma frutinha pouco conhecida em outros países e talvez nem seja no Brasil. Em português, seu nome é Airela e tem um sabor mais azedo. É a última fruta a ser colhida no mês de setembro. Isso porque dizem que o melhor é que passem pela primeira geada para que o sabor fique mais ameno. Um fato interessante é que se preservam bem sem açúcar ou conservantes e até sem serem congeladas.

Assim como você tropeça em um arbusto de mirtilo por cada canto que vai, o mesmo acontece com o lingonberry. Ele é conhecido como o ouro vermelho das florestas nórdicas e é altamente nutritivo.

Por ter um gosto mais azedo, ele pode ser usado tanto em receitas doces como salgadas. Um prato típico finlandês é o ensopado de rena com geleia de lingonberry. Outro prato é um charuto de repolho recheado com carne moída e a baga. E ainda há outro que comem a linguiça de sangue que aqui chamam de mustamakkara com a fruta em calda por cima. Além disso, fazem doces, geleias e extraem o néctar.

Amora Branca

Frutas silvestres, frutas vermelhas, Finlândia, frutas do bosque, alimentação, saúde,
Foto: Pinterest

A Lakka ou Cloudberry como é conhecida aqui é a fruta que foge das vermelhas. De cor amarela e meio alaranjada, é muito valiosa no país e a mais cara do mercado. Também é conhecida por hilla ou suomuurain, sendo que este último nome se refere às regiões pantanosas onde são encontradas. Elas normalmente nascem em lugares escondidos, de difícil acesso e apenas no norte da Finlândia. A planta sobrevive a uma temperatura abaixo de -40 graus e dizem até que se você encontrar uma plantação delas escondida por aí, melhor mantê-la em segredo (risos).

O sabor da fruta fresca é mais azedo. Porém, quando maduras, ficam doces. Elas são azedas e doces! Na cozinha, é usada para fazer geleia, licor, doces e tortas. Podem ser ingeridas frescas, mas as pessoas preferem adoçá-las. Um prato típico e muito apreciado é a geleia de lakka com leipajuusto. Na tradução livre, leipa quer dizer pão; e juusto, queijo. Portanto, seria um pão de queijo. Mas a verdade é que não tem nada a ver com o que estamos acostumados. Esse queijo mais parece um queijo coalho que esquentam na frigideira e depois jogam a geleia por cima. É bem gostoso, por sinal!

É uma fonte riquíssima em vitaminas A e C, e são muito benéficas para o sistema imunológico. Também é muito famosa na indústria de cosméticos. A quantidade dessas vitaminas que contêm faz com que milhares de produtos usem a lakka em sua fórmula. Ela age como um antioxidante que neutraliza os radicais livres no corpo. Além disso, também possui carotenoides que ajuda a pele a não envelhecer.

Até mês que vem!

Lili

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.