BrasileirasPeloMundo.com
França Turismo Pelo Mundo

Bem vindos à Clermont Ferrand

É muito engraçado e exótico morar em Clermont Ferrand, no interior da França.

Quando comento com qualquer pessoa que eu moro por aqui, ela rapidamente, toda entusiasmada, me pergunta: “Nossa ! Você mora em Paris ?”. Como explicar sem causar nenhuma decepção que não, não moro em Paris, e que a França possui muitas outras coisas tão incríveis quanto o Champagne e os vinhos da região de Bordeaux ?

Um pouco mais engraçado do que isso é que todas as vezes que eu conheço algum francês, eles me perguntam: “O que você veio fazer aqui em Clermont Ferrand?”. Eles fazem uma cara do tipo: “Não acredito que essa menina veio do Rio de Janeiro, do Brasil, pra viver aqui em Clermont Ferrand”.

Pois é, baseado em tudo que eu já ouvi e vivi, assumo a missão de apresentar a minha nova cidade pra vocês: Clermont Ferrand na França ! Espero que no final do texto vocês tenham no mínimo a curiosidade de olhar no GoogleMaps onde é Clermont Ferrand, ou pelo menos um pouquinho de vontade de passar um final de semana por aqui.

Bem vindos à Clermont Ferrand, onde temos aeroporto, estação de trêm e rodoviária! Ficamos a 420 km ao sul de Paris, 4h de carro, 3h30 de trêm ou 50 minutos de avião. Estamos a 333 km do mar mediterrâneo  e a 375 km de Bordeaux. Quase no coração da França.

Leia também: custo de vida na França

Como toda cidade européia, temos um centro histórico repleto de igrejas, contruções históricas, restaurantes, pubs e muitas lojas. Lá temos a Cathédrale de Clermont feita com pedras de vulcão, e a basílica Notre-Dame-du-Port. Não podemos deixar de citar o Marché Saint-Pierre, um mercado super simpatico onde encontramos queijos, vinhos e diversas iguarias da região. É um local super aconchegante onde podemos tomar um café e conversar calmamente com os comerciantes que são todos da região.
Clermont é rodeada de parques e jardins: Jardin Lecoq, Parc de Montjuzet, Plateau de Chanturgue entre outros. Todos são muito bem cuidados e repletos de flores na primavera.

Temos também diversos lagos, onde no verão os franceses vão pegar sol, fazer picnic, caminhada, jet sky e passar bons momentos com os amigos ! Os mais próximos são Lac d’Aydat e Lac Chambon. Ao redor desses lagos temos diversos restaurantes para comer ou apenas tomar um chop, um vinho ou um café.

Ao lado de Clermont, está a cidade de Royat que é uma cidade histórica de águas termais. E como na França as cidades termais podem ter casino, temos um em Royat. Ele fica exatamente a 3km do centro de Clermont ! Fantástico, não?

Ainda não citei mas Clermont é uma região de vulcões (conhecidos como “chaine des Puys”). Graças a Deus nenhum deles está em atividade e nos proporcionam um relevo muito lindo, onde temos diversas montanhas e passeios exóticos dentro de um balão. Temos o ponto turístico Vulcania, que é um parque onde explicam a história dos vulcões e da região! No meio dessas montanhas, há vários roteiros de mountain bike (VTT em francês) e passeios à pé.

Um dos pontos turísticos mais conhecidos da cidade é o Puy de Dome. É uma montanha do grupos dos vulcões que pode ser visto de toda a cidade (tipo o Cristo Redentor no Rio). Temos um passeio de trêm panorâmico onde temos uma vista maravilhosa de  Clermont. É no Puy de Dome que temos um dos maiores grupos de parapentes da região ! Ainda não tive coragem de saltar mas dizem que devido aos vulcões e o clima da região, é um dos lugares mais fantásticos do mundo para voar de parapente… Não posso confirmar a informação, preciso pedir a opinião dos meus amigos parapentistas do Rio de Janeiro antes disso! Acho que vai ter discussão.

Temos também teatros, cinemas, galerias, inúmeras lojas, restaurantes, bares de vinhos, pubs e hotéis. Temos até uma “Galerie Lafayette”, a mesma rede da de Paris com diversos produtos e marcas. Não vou citar todos os nomes dos restaurantes de Clermont, mas posso dizer que encontramos praticamente todos os tipos de culinária de todos os cantos do mundo: chineses, tailandeses, portugueses, koreanos, japoses, mexicanos, italianos, espanhóis. Há pouco tempo inauguraram 2 restaurantes brasileiros: Rodizio.V e Maracujá Café. O primeiro com a verdadeira picanha brasileira, e o segundo com pães de queijo e brigadeiros. Além da empresa Adoro Brasil, que vende produtos brasileiros fabricados artesanalmente.

Leia também: vistos e residência na França

Clermont Ferrand é também uma cidade universitária, então temos uma vida noturna intensa com muitos espetáculos e festas. Há diversas boates no centro da cidade, e elas estão sempre cheias, de segunda a segunda.
Além disso tudo, temos aqui a sede da empresa Michelin, que é um dos maiores fabricantes de pneus do mundo. Os fundadores dessa empresa são a família Michelin que são originários de Clermont Ferrand. Por isso essa família e a empresa foram e são muito influentes por aqui. Temos uma rua com o nome “Edouard Michelin” e o museu “L’aventure Michelin”, que conta toda a história da famila, da empresa e de Clermont. Vale a pena conhecer.

Para finalizar, gostaria de falar que Clemont Ferrand possui aproximadamente 150 mil habitantes, que a maioria dos prédios da cidade não possui elevador e tem apenas 4 andares. Temos banheira nos banheiros, não temos porteiros, usamos muito os correios, e ainda usamos cheque como pagamento principal.

Obviamente temos muito queijo, vinhos e pratos típicos da região! Temos também estações de ski mas vou deixar isso para um próximo post!

Bem vindos à Clermont: alguns aspectos modernos, inovativos, e outros um tanto quanto exóticos. Bem, é isso… Se você ficou pelo menos com um pouquinho de curiosidade sobre Clermont, cumpri minha missão. Não deixe de mandar sua mensagem ou vir nos visitar!

Até mês que vem!

Related posts

Feira das Flores em Medellín

Jamille Morais

Estudar Direito na França: como funciona?

Michelle Smagasz

Feriados na França

Lilian Moritz

35 comentários

Millena Janeiro 18, 2017 at 4:58 pm

Obrigada pelo post! Estou mais empolgada e segura pra fazer meu intercambio em Clermont Ferrand agora 🙂

Resposta
Marcella Delfraro Janeiro 19, 2017 at 9:41 am

Que bom que gostou e seja muito BEM VINDA à Clermont !

Resposta
Jair Setembro 12, 2018 at 5:35 am

Oi Marcella estou trabalhando junto com mais 5 amigos em Clermont ferrand a 3 meses estou achando a cidade maravilhosa como tudo isso que você está falando em seu texto de Clermont parabéns!!!
Gostaria muito de aprender o idioma francês o que você poderia me recomendar para me ajudar?

Resposta
Marcella Delfraro Setembro 20, 2018 at 8:23 am

Oi Jair,
Que bom que vc gostou do texto. Para aprender francês, sugiro que vc faça algum curso (presencial ou a distancia) e que não tenha vergonha de errar. Vai falando !
Existe uma noite para aprender idiomas no Café les Augusts, 2 quintas-feiras por mês. Vale a pena dar uma passada por la.

Resposta
Celene Setembro 14, 2019 at 12:12 pm

Bom dia, Marcella! Gostei muito do seu texto! Meu filho está estudando em Clermont e gostaria de saber mais sobre a cidade. Coisas como o dia a dia, e como são atendidas as necessidades básicas de quem mora em Clermont, pela a estrutura da cidade. Se puder me indicar textos….. Obrigada!

Resposta
Liliane Oliveira Setembro 14, 2019 at 5:05 pm

Olá Celene,
A Marcella Delfraro, infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Izabel Delfraro Janeiro 19, 2017 at 3:20 pm

Texto perfeito e maravilhoso.
Adorei.
Descreve exatamente a cidade de Clermont Ferrand que eu conheço e que adoro.

Resposta
Marcella Delfraro Janeiro 19, 2017 at 3:22 pm

Obrigada ! 🙂

Resposta
J Gilberto Janeiro 26, 2017 at 9:14 pm

Ótimas dicas para quem quer conhecer a cidade parabéns!

Resposta
Marcella Delfraro Janeiro 27, 2017 at 8:16 am

Obrigada !

Resposta
Regina Machado Janeiro 26, 2017 at 9:30 pm

Oi Marcela, muito legal você explicar como é Clermont Ferrand na sua visão de brasileira e de habitante dessa cidade. Gosto muito de Clermont Ferrand, há 3 anos passo pelo menos um mês na cidade visitando minha netinha, Beatriz Moritz, e os pais dela. Quando estou engrenando o francês, já está na hora de retornar para o Brasil, rsrs. Bjks

Resposta
Marcella Delfraro Janeiro 27, 2017 at 8:15 am

Oi Regina !
Fico feliz que tenha gostado do texto ! Pois é, Clermont é muito charmosa ! Tb adoro !
Beijos !

Resposta
Rode Janeiro 28, 2017 at 4:09 pm

Adorei o texto, tenho um amigo que mora nessa cidade, fiquei com mais vontade de ir.
Não deixe de fazer novas postagens a respeito de clemont ferrand. Parabéns.

Resposta
Marcella Delfraro Janeiro 30, 2017 at 10:18 am

Ola Rode,
Obrigada pela mensagem ! Vou escrever novos posts sobre Clermont Ferrand !
Não deixe de vir visitar pois Clermont é uma cidade fantastica !

Resposta
Milenna Gomes Março 21, 2017 at 6:10 pm

Oi, Marcella! Vou visitar a cidade em abril e conhecia nada de Clermont. Obrigada pelo ótimo passo inicial. Mas, queria uma dica bem específica. Estarei aí no dia do meu aniversário e essa data tem que ser comemorada com bolo. Você sugere algum lugar para comer uma fatia bem maravilhosa?

Bjss

Resposta
Marcella Delfraro Março 22, 2017 at 10:54 am

Oi Milenna, que bom que gostou do texto !
Espero ter ajudado !
Com relação ao bolo, existem varias “patisseries” maravilhosas em Clermont sendo assim vai ser facil achar uma torta bem gostosa! Vou sugerir 2 pra vc:
1) LE CHATEAUBRIAND
12 rue Chateaubriand, 63100 CLERMONT FERRAND

2) La Ruche Trianon
26 Rue du 11 Novembre, 63000 Clermont-Ferrand

Me conta depois o que vc achou delas !

Resposta
Ludmilla Outubro 1, 2017 at 12:27 am

Oi Marcella,
Adorei o post. Cheguei na cidade há 2 dias e ainda estou bem
perdidinha… rs!
Vou consultar sempre ?

Resposta
Marcella Delfraro Outubro 1, 2017 at 6:34 pm

Obrigada !
Qualquer duvidas, pode me contactar.

Resposta
valdomiro Dezembro 18, 2017 at 1:44 am

Olá, Marcella!
Estou cogitando fazer um intercâmbio de um ano em Clermont, e depois engatar num mestrado. Poderia me dizer como é em relação a emprego? Como estudante poderei trabalhar 20h semanais, mas não sei quais possibilidades a cidade ofereceria. Desde já, obrigado. Parabéns pelo texto!
Um abraço, Valdomiro

Resposta
Marcella Delfraro Dezembro 18, 2017 at 8:33 pm

Ola Valdomiro !
Que bom que gostou do texto !
Com relação as possibilidades de emprego, sugiro que vc veja com os outros estudantes da sua area. Com certeza eles poderão te orientar melhor que eu!

Resposta
Luiz Cerqueira Dezembro 25, 2017 at 1:31 am

Oi Marcela!
Passo por Clermont dia 30/12…31/12 e 01/01/2018… tem alguma dica (adoro dancar) para a data de Reveillon? Estaremos eu e meu amigo, alugamos um espaco bem de frente a Gare…, vamos a Super Besse esquiar e nao temos CIA e nao sabemos nada do local, onde alugar os equipamentos, transporte coletivo… etc… Bom, se quiser tomar um vinho…rsrsrsrs desculpe a clareza! segue meu numero e espero suas dicas. Merci… 07 71 89 93 66 Luiz

Resposta
aline Abril 15, 2018 at 9:19 am

Bonjour, Marcella!!
Vou passar 1 mes em Clermont, para estudar, em junho.
Não conheco a França.
Queria usar os finais de semana para conhecer as cidades proximas. O que voce me recomenda?
Obrigada!!!

Resposta
Lucia Abril 15, 2018 at 7:30 pm

Gostei da sua descrição sobre Clermont Ferrand. Ela é clara, interessante e aborda os pontos principais da Cidade com muito carisma; so faltou pontuar as estações de sky.Obrigada me ajudou!

Resposta
Larissa d'Ávila da Costa Maio 27, 2018 at 10:56 am

Oi Marcela,
nos conhecemos ontem no encontro do BPM e hoje já estou cumprindo minha promessa de seguir uma colunista e comentar seus posts. Comecei por saber onde você mora, muito legal, pois nunca tinha ouvido falar de Clermont-Ferrand. Até a próxima!

Resposta
Marcella Delfraro Maio 28, 2018 at 2:18 pm

Oi Larissa!
Espero em breve comentar um texto seu !
Espero que vc tenha gostado do meu texto sobre Clermont e que ele tenha despertado em você um desejo de vir me visitar ! 🙂

Resposta
Evelin Morais Maio 27, 2018 at 10:52 pm

Olá Marcella, adorei o post sobre Clermont ! Quero te fazer uma pergunta, sei que é meio dificil responder com clareza mas é o seguinte: Me apliquei para dois tipos de programa para trabalhar na França, um me permite trabalhar e viver por um ano no país e o outro, é para ser assistente de língua portuguesa em escolas e com isso, recebe-se uma ajuda de 800 euros ao mês. Você acha possível viver com esse valor? De certa forma,viver com algum dinheiro a mais guardado claro mas tendo esse valor como a renda principal. Espero que possa me ajudar nessa informação. Obrigada !

Resposta
Marcella Delfraro Maio 28, 2018 at 2:29 pm

Ola Evelin,
Realmente é uma pergunta dificil, tudo depende do nivel de vida que vc quer ter. Posso te dar algumas informações que poderão te ajudar:
1- O salario minimo na França é de aproximadamente 1200€. Sendo assim, varias familias vivem com esse salario.
2- Em clermont, vc poderar encontrar casas/apartamentos para dividir com outras pessoas por um valor de 250€ por mês.
3- Leia o texto que eu escrevi sobre o custo de vida na Franca.

Resposta
flavia silva silva Janeiro 14, 2019 at 12:59 am

passarei 15 dias na sua cidade em junho desse ano e já me encantei apenas com a leitura do seu post!!!
você me sugere algumas cidades próximas para completar meu passeio? obrigada!!!

Resposta
Giselle Fevereiro 6, 2019 at 12:49 pm

Oi Marcella, adorei seu texto parabéns e estou super empolgada e tranquila para fazer meu intercambio nessa cidade, espero curtir muito,bjs…..

Resposta
Lucy Abril 19, 2019 at 3:15 am

Olá, adorei seu texto, estou indo com minha filha , neto e genrro de Paris a canes Nice , e ela fez um roteiro descendo de Paris, passando por Dijon e u fiz um passando pelo vale de loire , por Bourges, e dormindo em Clermont , en direção a Chamonix e descendo para canes e Nice, gostaria muito da sua opinião em relação aos dois caminhos .

Resposta
Liliane Oliveira Abril 19, 2019 at 2:48 pm

Olá Lucy,
A Marcella Delfraro, infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Eduardo Garofano Maio 30, 2019 at 9:12 pm

Visitei Clermont em julho de 2014. Cidade maravilhosa!
Não deixem de ir ao Le 1513 e peça pelo prato truffade: é sensacional!

Resposta
Juliana Ribeiro Junho 1, 2019 at 4:35 pm

Olá,

Muito bom o seu texto, estarei em Clermont por 4 dias na semana que vem e estava procurando opniões de brasileiros.

Resposta
Caio Julho 6, 2019 at 1:15 pm

BPM, parabéns pelo belo trabalho.

Se uma de vocês ainda vive em Clermont-Ferrand, pode dar dicas de hospedagem?

Melhores BAIRROS, p. ex.
Buscarei um superhost do Airbnb, por enquanto, para fim de julho a meados de agosto. Grato!

Resposta
Liliane Oliveira Julho 8, 2019 at 12:23 am

Olá Caio,
A Marcella Delfraro, infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação