BrasileirasPeloMundo.com
Tailândia

Sete coisas que você precisa saber antes de conhecer a Tailândia

Sete coisas que você precisa saber antes de conhecer a Tailândia.

A Tailândia é um país localizado no sudeste asiático que se tornou um dos maiores destinos turísticos do mundo. Conhecida como a “terra dos sorrisos”, não é preciso muito tempo para entender o porquê desse país ser tão visitado e adorado pelos turistas. Basta dar um “google” pra descobrir como esse lugar é especial, com ilhas paradisíacas, lugares interessantes e muita coisa legal pra se fazer e conhecer.
Resolveu vir para a Tailândia? Ótimo! Vou te ajudar com as principais coisas que você deve saber antes de chegar aqui no paraíso. Como já escrevi no post anterior, o custo de vida aqui é relativamente baixo, e sua viagem pode sair bem mais em conta do que você imagina. Fique de olho nas promoções de passagem aérea, que é a parte mais cara da viagem, e vamos para as dicas!

1) Qual a melhor época para viajar para a Tailândia?

O clima é tropical, quente e úmido. Temos duas estações bem definidas: o verão, que vai de maio a outubro, caracterizado por ser o período de chuvas, e o inverno seco, que vai de novembro à abril. Os meses de março a maio são os mais quentes do ano, com sensações térmicas de até 45°C. Já o mês de dezembro costuma ser o período mais fresco, com temperaturas médias de 25°C. Resumindo, para fugir da chuva que pode atrapalhar o passeio, o ideal é vir entre os meses de novembro e fevereiro.

2) Preciso de visto para visitar a Tailândia?

Não. Brasileiros que desejam visitar a Tailândia a turismo ou negócios não precisam de visto. Basta ter um passaporte com data de validade acima de 6 meses, para garantir até 90 dias de permanência no país. Porém, existe um documento obrigatório para a entrada, que é o Certificado Internacional de Vacinação (CIVP) contra febre amarela. Para isso, é necessário tomar a vacina contra a febre amarela no mínimo 10 dias antes da sua viagem, e levar o cartão de vacinação a algum posto da Anvisa que emita esse certificado internacional. É importante verificar com antecedência, pois sem esse documento não é permitida a entrada na Tailândia. Ao chegar no aeroporto, antes de passar pela imigração, dirija-se ao Health Control (“controle de saúde”) para preencher um formulário e apresentar seu CIVP para, só então, seguir para a imigração. No caso de pessoas que, por algum motivo, não possam tomar a vacina, existe um Certificado Internacional de Isenção de Vacinação, que deverá ser emitido pela Anvisa e apresentado no aeroporto.

3) Qual moeda levar?

A moeda em circulação no país é o Bath. Hoje em dia, R$1,00 equivale a cerca de 10,72 baths (a moeda é bem desvalorizada). Porém, não adianta trazer real, pois as casas de câmbio não fazem essa troca. O ideal é trazer dólar ou euro, que podem ser trocados com facilidade nas inúmeras casas de câmbio por aqui. Caso você tenha um cartão de crédito internacional, também é fácil sacar a moeda local nos caixas eletrônicos (mas fique de olhe nas tarifas).

4) Como vou me comunicar?

Não se preocupe. Apesar do idioma tailandês ser muito peculiar, o país está acostumado a receber turistas e a maioria das pessoas consegue se comunicar em inglês. Mas não se iluda achando que vai vir pra Tailândia treinar seu inglês ou algo do tipo. Eu costumo dizer que eles desenvolveram um jeito próprio de falar a língua e, no início, todo mundo tem muita dificuldade em entender, pois eles trocam o “R” pelo “L”, além do sotaque tailandês. Mas eu te garanto que isso não vai ser problema, pois a cordialidade e disponibilidade dos tailandeses em receber e agradar quebra qualquer barreira que o idioma possa criar.

Leia também: vistos para morar na Tailândia

5) O que vou comer?

Prepare-se. Você estará diante de uma diversidade de cores, cheiros e sabores nunca antes vista. A culinária tailandesa é bem peculiar, reunindo uma combinação de especiarias, doce, salgado, apimentado, em um mix de ingredientes exóticos e tradicionais. Nunca falta arroz no prato do tailandês, além dos molhos, que também são muito presentes. Em geral, são mais comuns os pratos com frango, porco e frutos do mar. As sopas também têm seu lugar garantido na mesa tailandesa. Mas atenção, a pimenta, que está presente na grande maioria dos pratos, é bem exagerada. Não hesite em pedir seu prato sem pimenta pra não correr o risco de não conseguir comer. E, em último caso, se nada der certo, você pode correr para uma loja de conveniência chamada 7-Eleven, que estará sempre a cinco minutos de você, e resolver seu problema.
Vale uma dica: como a comida é completamente diferente do que estamos acostumados, não custa nada andar com uns remédios na bolsa, pois seu organismo pode não se adaptar.

comida tailandesa

6) O que esperar da Tailândia?

Venha disposto a conhecer um lugar incrível, com uma cultura excêntrica e envolvente, em meio a um povo extremamente acolhedor, simpático e disposto a te ajudar e a tornar essa experiência inesquecível. Prepare-se para viver situações malucas, diferentes e engraçadas, e conhecer um lugar extremamente acolhedor. Nunca se esqueça de que respeitar a cultura local é um mandamento básico ao visitar outro país, então, procure entender e admirar os hábitos locais, nunca desrespeitando as tradições.

7) O que é importante saber?

  • O Rei da Tailândia é uma figura extremamente respeitada e idolatrada no país. Falar mal do Rei ou da monarquia, ou desrespeitar sua figura é considerado crime e pode dar cadeia. Nunca entre nesse mérito.
  • Demonstrações de afeto em público não são apropriadas e não custa nada evitar.
  • Com relação à vestimenta, as restrições existem apenas nos templos, onde homens e mulheres não devem estar com pernas e ombros à mostra;
  • Em muitos lugares, é preciso retirar os calçados para entrar, então, quando vir uns sapatos do lado de fora, tire os seus também, não tem como errar.

Bom, basicamente é isso. Agora que você já sabe dos pontos principais, o próximo passo é definir o seu roteiro. Se tiver alguma dúvida ou sugestão, deixe um comentário aqui.
Espero ter ajudado e nos vemos no próximo post!
Sawadee Kah

Tallenna

Related posts

Dicas de turismo em Bangkok

Marcella Delfraro

Cinco verdades sobre a Massagem Tailandesa

Bárbara Santos

Carteira de motorista na Tailândia

Ágatha Transfeld

4 comentários

Gabriela Novembro 11, 2016 at 4:39 am

Ahh muito legal!! Tenho uns vizinhos tailandêses aqui e são mesmo muito acolhedores , me convidaram p aniversário do filho e a comida variada mesmo e adorei um arroz q fizeram , me indicaram o mercado onde comparam e como fazer até! Bem legais as informacoes q vc passou..

Resposta
leo Janeiro 10, 2017 at 1:43 pm

Hey, estou super confuso sobre a obrigatoriedade da vacina contra febre amarela. Alguns sites dizem que é obrigatório, outros dizem que não. Hoje fui a um tipo de hospital de viajantes aqui na Turquia onde eu posso tomar a vacina, mas a médica consultou na internet o site internacional de saúde que classifica quais vacinas cada nacionalidade tem que tomar antes de uma viagem ao exterior (CDC), mas lá consta que brasileiros não são obrigados a tomar a vacina de febre amarela.
Você saberia comentar algo sobre?

Obrigado pelo post =)

Resposta
maria Janeiro 22, 2017 at 1:14 pm

bom dia
preciso saber nome de empresa aerea local de bangkok para phuket.???
e
se tem Hosterl internacional em phuket??
obrigada
maria

Resposta
É possível encontrar alimentação brasileira na Tailândia? Janeiro 7, 2018 at 2:26 pm

[…] Leia também: 7 coisas que você precisa saber antes de conhecer a Tailândia […]

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação