BrasileirasPeloMundo.com
Colômbia Culinária Pelo Mundo

Comidas típicas da Colômbia

Comidas típicas da Colômbia.

Grande parte da américa latina tem como raiz gastronômica o milho. Esta herança asteca não é diferente na Colômbia. Mas quando nos enfocamos na sua cultura, percebemos que os pratos vão muito além de um milho cozido.

O país possui pratos tradicionais com uma história muito forte e influências da cultura indígena, africana e europeia. A Colômbia é muito diversa, com isso, cada região do país guarda seus pratos típicos e, claro, o que contém em cada prato depende do clima, dos primeiros habitantes e dos insumos provenientes de cada lugar. Como, por exemplo, na  região costeira predominam os frutos do mar e o coco, já na região das montanhas são mais comuns preparações cozidas e com animais como vaca e porco, e na região amazônica consome-se peixes de rio e tubérculos como batata e mandioca.

Além da herança dos pratos tradicionais, a Colômbia tem sido destino gastronômico de muitos chefs estrangeiros em busca de conhecer a riqueza gastronômica do país, assim como chefs colombianos estão sendo reconhecidos internacionalmente pelo trabalho em seus restaurantes onde produzem pratos com insumos tradicionais do país, dando a eles uma versão moderna e de alta gastronomia.

Lei a também: Frutas típicas e exóticas da Colômbia

Em seguida, apresento-lhes uma lista com comidas típicas colombianas, muito fáceis de encontrar em restaurantes e na mesa dos nativos.

Bandeja Paisa

Carne moída, toucinho, morcilla, chorizo, arroz, feijão, banana frita, abacate e por cima um ovo frito. Ufa! Tudo isso servido literalmente em uma bandeja. Prato ícone colombiano, a bandeja paisa foi criada na região de Antioquia, quando as pessoas faziam suas refeições nos restaurantes das estradas e precisavam estar bem alimentados para uma longa jornada de trabalho nas montanhas. Um exagero alimentar, mas uma exitosa ideia de promoção gastronômica do país.

Sancocho

O sancocho não é um prato, mas sim uma celebração. Sancocho é uma denominação culinária aos pratos cozidos que utilizam uma grande panela e muita água para cozinhar. É comum você ser convidado para um sancocho na casa de alguém, geralmente para celebrar um momento importante. Pode levar frango, carne bovina ou carne suína. Tudo cozido com legumes, verduras e temperos da região. Julián Estrada, antropólogo culinário, especialista em comida tradicional colombiana, explica que:

“Na Colômbia não existe apenas um sancocho. Por exemplo, no litoral do Caribe ele é feito com peixe, leite de coco, mandioca e inhame. O sancocho do Valle del Cauca não possui tantas carnes. O sancocho de Boyacá leva um elemento da cultura espanhola que é o trigo, mas também leva muitas ervas e temperos indígenas.”

Ajiaco

Uma sopa com três tipos de batata, frango desfiado e ideal para o clima frio da cidade de Bogotá. O prato foi criado em meados dos anos 20, sendo uma sopa característica dos camponeses. Até que uma senhora da alta sociedade de Bogotá teve a ideia de agregar creme de leite e alcaparras na preparação, modificando o prato até chegar ao resultado que comemos hoje em dia.

Mondongo

Um prato que também é consumido em outros países da américa latina. O mondongo é basicamente uma sopa que tem como principal ingrediente o estômago da vaca picado. É mais uma preparação cozida que leva muitos legumes e verduras e um tempo demorado de cocção.

Peixe frito e arroz com coco

Chegando na região da costa do Caribe, temos um prato com muito sabor do mar. Consumir peixes já era uma atividade comum entre os indígenas, mas foi com a chegada dos espanhóis que os nativos aprenderam a utilizar a fritura em sua alimentação. O arroz é apresentado com leite de coco queimado. Esse prato ainda traz patacón, que são bananas da terra fritas. Esse prato tem uma mistura de sabores deliciosa.

Patarasca

Um prato típico da região amazônica, onde se envolve o peixe e seus temperos em uma folha de bananeira, e assim é cozido em água ou assado na brasa. Nessa região, é comum usar folhas para envolver e preparar os alimentos, principalmente peixes de rio – uma herança claramente indígena. Mas em outras regiões do país, as folhas também servem na conservação de alimentos durante longas caminhadas pelas montanhas.

Leia também: As Minas Gerais colombianas

Existem também algumas tradicionais comidas, que não são pratos, mas estão presentes na rotina alimentar do colombiano. Temos, por exemplo, a mazamorra que é uma sobremesa doce feita com milho. O tamal é uma preparação de carnes e legumes envolvidos na folha de bananeira. O buñuelo é um bolinho de queijo frito. A empanada é um bolinho de milho recheado e frito. O patacón é a banana da terra frita. A carimañola é um bolinho de mandioca recheado e frito. E claro, não poderia faltar a arepa, uma tortinha de milho que pode ser natural ou recheada, e está presente em todas as refeições.

“Fazer uma viagem gastronômica é uma das melhores maneiras de conhecer um país, pois as tradições na cozinha falam da cultura de um território.”

Fábio Sierra, chef do restaurante El Trompo na cidade de Medellín.

Related posts

Expressões colombianas

Lívia Maioli Soares

As delícias da culinária natalina na Finlândia

Maila-Kaarina Rantanen

Feira das Flores em Medellin

Jamille Morais

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação