BrasileirasPeloMundo.com
Estônia

Como é uma sauna na Estônia?

Como é uma sauna na Estônia?

Hoje em dia, a sauna é um conceito bem popular e presente no imaginário de muitas pessoas, e principalmente para quem visita os países do norte europeu. Uma das coisas mais importantes a se fazer em uma viagem à Estônia, definitivamente é experimentar a sauna!

Historicamente, elas eram utilizadas por famílias ou comunidades a cada certo período de tempo para aquecer o corpo no inverno e tomar banho. Até algumas décadas atrás, a maioria das casas não tinham chuveiro e o único lugar possível para tomar um banho quente era no dia da sauna.

Atualmente, a sauna continua a fazer parte do cotidiano dos estonianos e representa um momento de relaxamento e diversão com a família e amigos. Muitas casas e apartamentos possuem sua própria sauna, que geralmente é uma extensão do banheiro. Quem não tem uma em casa, frequenta as saunas públicas em spas e academias. Elas estão em todos os lugares, e há de diversos tipos!

A sauna “de fumaça” é reconhecida como Patrimônio Cultural da Estônia pela UNESCO, e por milhares de anos, esse era o único tipo de sauna que existia no norte europeu. Esse tipo de sauna não possui uma chaminé, por isso a fumaça produzida pela queima da lenha permanece dentro do quarto aquecido. Antigamente, com esse tipo de método também se aproveitava para defumar carnes para a sua conservação.

Com o passar do tempo, a tecnologia foi se desenvolvendo e surgiu o que é popularmente conhecido hoje como sauna finlandesa, que é aquela casinha com uma chaminé por onde a fumaça pode escapar, então as pedras presentes dentro da sauna são aquecidas por uma espécie de lareira. As pedras ficam dentro do quarto aquecido, e durante a sessão se costuma jogar água sobre elas para criar vapor.

Leia também: Hábitos que adquiri na Estônia

Apesar da sauna finlandesa ser a mais popular, existem muitos outros tipos: a de sal (um quarto aquecido onde as paredes são revestidas de sal, ótima para quem tem problemas respiratórios); a elétrica (parecida com a tradicional, só que em vez de ser aquecida a lenha, se usa energia elétrica. Geralmente estão presentes dentro de edifícios onde não é possível ter uma chaminé); a de luz infravermelha (esse tipo não é aquecida, a luz infravermelha penetra a nossa pele e dá um efeito parecido ao da sauna tradicional, mas sem suor envolvido); a de vapor (como o próprio nome já diz, é um quarto aquecido com apenas vapor, de 80 a 90%. Também é ótimo para quem tem problemas respiratórios); entre muitas outras, e todas podem ser encontradas em diversos spas pelo país.

Tradições da sauna

Dentro de uma sauna: as pedras aquecidas, balde de água e o ramo de folhas secas. Foto: inyourpocket.com

Na Estônia, é muito comum cada família possuir uma casa “no campo”. Essas casas geralmente são heranças de família, onde os avós e bisavós viviam antes da formação das grandes cidades. É um dos bens mais preciosos para os estonianos, e durante as férias de verão, fins de semana e feriados, a maioria das pessoas viaja para sua casa de campo.

Com a família reunida, uma noite por semana se prepara a sauna – coloca-se a lenha para queimar e é necessário esperar algumas horas até que esteja bem quente, aproximadamente 100ºC dentro do quarto. Quem usa a sauna primeiro são os mais velhos e geralmente homens e mulheres vao separados.

Dentro da sauna, ninguém usa biquini, todos devem estar nus! Antes de entrar há um quartinho com uma ducha e área de descanso, e é necessário se molhar antes de entrar. Quem aguenta mais o calor pode se sentar perto das pedras, pois é onde ficará mais quente! Quem está perto das pedras também é responsável por jogar água nelas para produzir o vapor. Nesse momento a sauna fica bem quente. Quanto o vapor baixa, é hora de se bater uns aos outros com uma ramo de folha secas!

Durante a primavera, alguns galhos de árvores como a bétula, pinheiro ou eucalipto são colhidos, amarrados por uma das extremidades e deixados para secar para serem usados durante a sauna. Dentro da mesma, são colocados em uma bacia com água, e com o corpo bem quente você pode “se bater” com eles. Esse método é usado para auxiliar na circulação do sangue, e as folhas também liberam alguns óleos essenciais durante esse processo. Pode parecer estranho, e eu certamente achei muito esquisito na primeira vez que “apanhei” com esses galhos! Mas na verdade é muito gostoso e relaxante, você se sente revitalizado depois da experiência.

Leia também: A tão natural nudez europeia

Após sentir o calor do vapor e apanhar um pouquinho, é hora do choque térmico! É opcional, claro, e há diversas intensidades. Durante o inverno, se costuma pular na neve diretamente da sauna ou dentro de um ofurô, lago ou mar de água bem gelada. No verão geralmente se toma uma ducha fria ou se você estiver em um spa, há pequenas piscinas de água gelada (aproximadamente 8ºC) para esse fim. Sinceramente, é uma experiência dolorosa – parece que milhões de agulhas bem finas estão perfurando sua pele – mas mais uma vez, passado o susto, é muito relaxante e revigorante.

Depois desses três passos, é normal que o grupo descanse antes de entrar na sauna novamente, geralmente com uma bebida refrescante. A sauna é um lugar para se socializar, conversar e relaxar. É comum que essas conversas durem mais tempo que a sauna em si! Quando o corpo começa a esfriar, é hora de entrar no quarto aquecido novamente. Esse processo se repete de duas a três vezes.

Definitivamente, a sauna é uma das minhas coisas favoritas sobre a Estônia, uma experiência imperdível. Além de tudo, é um ótimo lugar para construir amizade e conhecer melhor os estonianos, pois é onde eles se sentem mais livres. A sauna é mágica!

Related posts

Curiosidades sobre os supermercados da Estônia

Ana Carolina Poli

François Archanjo, percussionista brasileiro na Estônia

Ana Carolina Poli

5 motivos para não morar na Estônia

Ana Carolina Poli

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação