BrasileirasPeloMundo.com
Inglaterra

Estudando Shakespeare na Era Digital

Sabe-se que Shakespeare morreu no dia 23 de Abril de 1616, aos 52 anos de idade. Estudiosos também acreditam que ele provavelmente tenha nascido num 23 de Abril. O ano, 1564. Curiosa coincidência, dia 23 de abril é também o dia de São Jorge, padroeiro da Inglaterra (sendo comemorado hoje).

Apesar de uma vida curta, William Shakespeare deixou um legado de pelo menos 37 peças de teatro e 154 sonetos. Considerado o autor mais citado em inglês, ficando atrás apenas dos autores da bíblia, Shakespeare encantou o público de sua época com suas tragédias e continua a impressionar admiradores de sua obra ainda nos dias atuais. Na internet, são milhares de páginas dedicadas ao autor, que infelizmente não deixou descendentes. Sua única neta faleceu sem filhos.

Para quem quiser pesquisar mais sobre o autor, o Shakespeare Institute é uma excelente opção. O instituto, vinculado à Universidade de Birmingham, foi fundado em 1951 e é internacionalmente reconhecido pelo seu trabalho de pesquisa focado no teatro da Renascença. Outra fonte de pesquisa indispensável é o website do Shakespeare’s Globe, o teatro a céu aberto que foi construído e aberto ao público em 1997, baseado no original que havia sido construído em 1599 pela companhia de teatro na qual Shakeaspeare trabalhava e foi demolido em 1644 pelos Puritanos.

Este ano, aniversário de nascimento de 450 anos de Shakespeare, o Shakespeare Globe da início a uma turnê incrível de 2 anos que vai levar a peça Hamlet a todos os países do mundo, inclusive o Brasil (Novembro de 2014, datas e local a serem confirmados)!

Não poderia deixar de mencionar a tão famosa companhia de teatro de Shakespeare, a RSC que tem sua base na cidade natal do autor, Stradford-upon- Avon, que todo ano apresenta novas versões de suas peças intrigantes com atores renomados e viajam pela Inglaterra e outros países.

Se você também tem curiosidade e sempre quis aprender um pouco mais sobre as obras e vida desse personagem fantástico da história inglesa, vai gostar deste link que possibilita um estudo, sem custo e a distância, sobre Shakespeare.

O FutureLearn me foi apresentado por uma amiga no início do ano e fiquei curiosa. Logo me registrei para um curso fascinante sobre a peça Hamlet. O curso é organizado pela Universidade de Birmingham e o conteúdo é fantástico, com vários vídeos e textos e ainda disponibilizam a peça para download.

Aproveitando o tema Shakespeariano, achei que seria interessante apresentar esse site para vocês pois, além de dar acesso a vários cursos com temas que variam desde arte, história, ciências ate business, e também uma ótima oportunidade para aperfeiçoar o seu inglês e fazer um network interessante.

O processo é simples. Você se registra no site e escolhe o curso que gostaria de fazer. A partir dai, começa a receber emails semanais da universidade responsável pelo curso. Os cursos tem duração variadas, geralmente de 5 a 8 semanas e envolve várias atividades desde jogos e testes. No final de alguns cursos (nem todos) você tem a oportunidade de adquirir um ‘Certificado de Participação’. Existe um sistema de pontuação único durante o curso, o qual indicará no final o seu desempenho no mesmo. O certificado tem um pequeno custo e é enviado pelo correio.

Tudo o que você precisa saber para morar na Inglaterra!

Durante o curso, além do acompanhamento dos tutores e contato direto com as universidades você também faz um network incrível com pessoas com interesse em comum. Se você esta considerando a oportunidade de vir estudar na Inglaterra, esse poderia ser um primeiro contato com uma universidade britânica.

O FutureLearn foi criado pela Open University, que tem experiência em aprendizado à distancia e educação online há mais de 40 anos. Em parceria com instituições como o British Council, British library, British Museum, várias universidades da Grã-Bretanha e outras instituições internacionais, o projeto visa oferecer uma experiência de aprendizado dinâmica e prazerosa, com cursos de alta qualidade, promovendo uma interação entre os participantes e os educadores.

Aproveitem!

“Education is not preparation for life. Education is life itself”. (John Dewey)

Related posts

Brasileira “made in” Paraguai

Ann Moeller

Quando a saudade se torna suportável

Juliana Gasparette

10 comentários

Emilia de Paula Hanashiro Abril 23, 2014 at 12:46 pm

Parabéns pelo texto informativo e ótimas dicas, bjs.

Resposta
Fernanda Abril 24, 2014 at 10:00 pm

Obrigada pelo feedback, Emilia! Espero que aproveite o link e se inscreva em algum curso. Muito interessante esse projeto! xx

Resposta
Fernanda Moura Abril 23, 2014 at 12:51 pm

Fernanda, adorei o texto. Muito bacana abordar temas diferentes assim no nosso blog. Sempre gostei muito de Shakespeare, inclusive apaixonei-me por literatura através de suas obras as quais li por primeira vez com uns onze anos. Até hoje não me canso de reler e reinterpretar. Afinal, dependendo do momento em que estamos vivendo as estórias ganham novas dimensões e significados, não é? Otimas dicas, xará! Beijos

Resposta
Juliana Abril 24, 2014 at 8:40 pm

Excelente! E para completar, dia 23 de abril nasceu outro grande das letras: Cervantes. Neste dia é entregue o prêmio de mesmo nome a um escritor de lingua espanhola. Abraço!

Resposta
Ana Cristina Kolb Abril 25, 2014 at 4:42 pm

Super texto Fernandinha, Shakespare é sempre atual e universal! Adorei a dica da universidade, e com certeza vou me inscrever como voce muito bem citou, educação é vida! Nunca é demais! Amei as dicas! 🙂

Resposta
Joyce Setembro 14, 2014 at 2:39 pm

Bom dia! Fernanda estou montando um projeto para ser apresentado ao curso de pós graduação strict sensus, sinto dificuldades em encontrar materiais, o tema é : “A Historiografia da Literatura Inglesa : Antes, Durante e após a Influência de Willian Shakespeare”. tem alguma dica for me. Please.

Resposta
Fernanda Franco Outubro 20, 2014 at 10:01 pm

Ola Joice, obrigada pelo comentario e mil desculpas pela demora em responder. Olha so, eu começaria tentando contato com o próprio Shakespeare Institute (http://www.birmingham.ac.uk/schools/edacs/departments/shakespeare/index.aspx). O próprio The Globe também pode ajudar com pesquisas. Segue abaixo o link para a biblioteca deles, http://www.shakespearesglobe.com/education/library-research. Alem das bibliotecas em Londres, que também são ótimas fontes de pesquisa. Muito material esta disponível online. Espero que ajude.

Desde já, parabéns pelo projeto!

Resposta
Fernanda Franco Outubro 20, 2014 at 9:39 pm

Oi Fernanda, Desculpe me que so agora estou vendo esses comentários! Obrigada pelo carinho e sim, concordo que a cada releitura de Shakespeare, as estórias tomam novas dimensões. Eh realmente tudo muito magico. Imortal!

Resposta
Fernanda Franco Outubro 20, 2014 at 9:42 pm

Ah que legal, Juliana. Veja se escreve sobre Cervantes numa próxima oportunidade. Eu adoro Don Quixote e sou fascinada por um documentário que foi feito quando o diretor Terry Guilliam estava tentando filmar uma adaptação do Don Quixote, ai na Espanha mesmo, com o Jonny Depp e toda a produção foi por agua a baixo, tudo deu errado, parecia mesmo uma maldição! Enfim, o documentário e ótimo e se tiver a oportunidade de ver, se chama Lost in La Mancha. Bjs

Resposta
Fernanda Franco Outubro 20, 2014 at 9:43 pm

Oi Ana, tudo bem? Eu sempre atrasada com meus comentários. Valeu mais uma vez e se puder fazer um dos cursos, super recomendo. Bjs

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação