BrasileirasPeloMundo.com
Suíça Turismo com crianças

Férias com filhos na Suíça

Sol, calor, dias compridos e muita diversão. O verão na Europa costuma ser a época mais esperada por quem vive aqui para passear, viajar, tomar aquela dose de vitamina D tão importante além de passar horas ao ar livre em um picnic agradável com seu companheiro ou amigos, certo? Errado.

Para mim, mãe de um menino de 4 anos, férias de verão são tão temidas como Poltergeist nos anos 80. A grande dúvida que assalta as noites de sono é: O que fazer com uma criança 24 horas por dia durante o verão inteiro?

gurtenAqui na Suíça, a busca incessante por lugares para diversão familiar começa em meados de junho e não termina até o recomeço das aulas em agosto. A verdade é que há muitas opções para todos os gostos aqui em Berna. Desde museus e fábricas de chocolate, até escaladas e acampamentos, parques infantis, zoológico etc.

Li em um livro (Beyond Chocolate) recomendado por uma amiga brasileira que também mora aqui- Valeu, Michelle! – que criança suíça não chora. Tá , pensei comigo, um exagero. Pode até não ser regra, mas as crianças suíças são criadas sob o princípio da autonomia. Ou seja, nos parquinhos, é comum ver os pequenos brincando sozinhos e inclusive- pasmem- despencando dos trepa-trepas e as mães só olhando à certa distância. spielplatz

spielplatz4Nas primeiras vezes fiquei meio horrorizada e o meu lado critico já xingando essas mães suíças tão cruéis – na minha cabeça, é claro! Ainda não sou assim tão barraqueira . Aos poucos percebi que, de fato, as crianças choravam menos e faziam menos birra porque as mães deixavam que eles próprios resolvessem os seus conflitos. Se caírem há que deixar que se levantem sozinhos. Liçãozinha básica com profundas implicações morais.

Mas e o desespero ao ver seu filho caindo e pedindo sua ajuda e vc sem fazer nada? Resista, diria um suíço. Corra, abrace e beije muito seu filho até este parar de chorar, diria a minha mãe lá no Brasil. Já sei, são puros estereótipos e estou bem ciente de que nem sempre nós latinas agimos assim, bem como as suíças também podem ser super protetoras. Por que não? Mas isso não quer dizer que, via de regra, certos estereótipos não tenham alguma parcela de veracidade.

Algo muito diferente também é o desapego das crianças desde muito pequenos. É normal as crianças saírem em passeios com a escola por alguns dias desde bem pequenos. Meu filho foi acampar com a turma da escola por 3 dias ( repito 3 dias!!!!) em Kandersteg que fica aproximadamente à 68km de Berna e é uma excelente região para passear com as crianças. Pode-se acampar ou ficar em hotéis mais luxuosos, fazer caminhadas, bicicletas para alugar, fogueiras etc. Há diversas opções de lazer por lá tanto durante o verão quanto no inverno.

Mas por melhor que seja o lugar, deixar o meu pequeno ir sozinho foi um sacrificio e tanto. Passei 3 dias nervosíssima e quando fui buscá-lo na chegada de volta a Berna ele estava muito feliz, bem como todos os companheiros de turma. Todos alegres e cheios de histórias para contar. Já os professores que acompanharam desciam do ônibus descabelados, com olhares desesperados e olheiras profundas- coitados- ri comigo mesma ao abraçar apertado meu filho que parecia haver estado fora um ano inteiro para mim.

Outro aspecto que me chamou atenção foi a quantidade de crianças pequeninas andando perfeitamente de bicicleta sem rodinhas. Aqui quase não se vende bicicleta com rodinhas. Eles acreditam que é mais fácil tomar uns tombos e aprender de uma vez do que prolongar essa situação com ajuda das tais rodinhas. Vou experimentar com meu filho e depois conto aqui se deu certo. Vamos ver até que ponto conseguirei levar a cabo a tal história com fundo moral tão bonito de levantar-se sozinho após cada queda.

Agora, o mais complicado mesmo é quando o verão é meio xoxo como o que tivemos este ano aqui na Suíça. Muita chuva a ponto das crianças praticamente baterem a cabeça na parede dentro de casa para se divertir e nós, as mães, com vontade de arrancar os próprios cabelos com pinça. Aí, não importa se vivemos na Suíça, na Tailândia, no México ou no Brasil. O jeito é usar da criatividade inventando brincadeiras e acampamentos improvisados dentro de casa (e quando esta acaba apelar para o bom amigo Disney por uma horinha de descanso— falo sem medo de ser crucificada) e torcer para o verão acabar rapidinho e as férias das férias começarem.

Algumas sugestões de passeios no cantão de Berna com os pequenos:

  • Região de Jungfrau: Subir de trem até o ponto mais alto da Europa é um passeio imperdível com ou sem crianças. Há várias cidadezinhas nas montanhas da região e ainda que sejam mais procuradas durante o inverno por suas estações de ski, no verão há parques e atividades para crianças muito bacanas. Para quem toma o trem até Jungfrauhoch além do mirante no alto, há uma fábrica de chocolates Lindt para os pequenos ficarem com ainda mais energia para te enlouquecer. E nós, mães, aproveitarmos a desculpa de dar chocolate para as crianças para também encher a cara deste açucarado e fiel companheiro. Nós quando fomos ficamos do outro lado, em outra montanha na cidade de Mürren (tem que subir de trem ou teleférico ou então, para os mais atléticos, fazer uma bela caminhada para chegar) que é linda e de lá é só pegar outro teleférico para chegar a Almendhubel onde há o Kids Adventure Trail.
  • Gurten Park: Parque que fica no alto da montanha Gurten dentro da cidade de Berna. É super prático pois pegando o teleférico e chegando ao topo, há restaurante, local para picnic, trenzinho para a criançada, além de escorrega, trepa-trepa etc. Também durante o verão é local de vários festivais de música e eventos.

Related posts

O que fazer com as crianças em Praga?

Roberta Leite

Como levar e regularizar seu cachorro na Suíça

Christiane Lima

Dicas de turismo em Zurique

Silvia Marques

7 comentários

Ana Lozon Agosto 22, 2014 at 11:25 am

Fora dizer que adorei o texto a única coisa que tenho a te dizer é : MÃE CORUJAAAAA!!!
brincadeira Fernanda! Imagina a oportunidade do seu filho que coisa fora do comum e todas essas experiencias ricas de ter vivido já no México e agora na Suiça,ele tem amigos diferentes, exepriencias incriveise agora, o melhor chocolate do mundo!!!hahaha..

bisouss

Resposta
Fernanda Moura Agosto 22, 2014 at 1:30 pm

Eu, mãe coruja??? Imagina…..hahahahhaa Beijo, Ana!!

Resposta
Emilia Hanashiro Agosto 25, 2014 at 5:52 am

Nossa estou super ansiosa para conhecer mais a Suiça e nem me fale dos chocolates me acabei de comer esses dias, pois minha prima que mora ai veio passar as ferias aqui no Japão e me trouxe uma variedade de chocolates hummm… adorei e o seu texto, Parabéns.

Resposta
Valmir Carvalho Outubro 12, 2015 at 4:17 pm

Emília, sua prima é a Eliana?

Resposta
Danielle Agosto 10, 2017 at 9:48 pm

Oi Fernanda tudo bem?

Chego em Zurique em 20/01/2018. Estou montando um roteiro com amigos que assim como eu tem filhos.

Nossas crianças tem entre 3 e 5 anos e queríamos validar se o roteiro a seguir seria uma boa escolha.

Desde já agradeço.

20/01 chegada em Zurique
21/01 Zurique city tour
22/01 Zurique/ Berna – retorno a Zurique (bate e volta)
23/01 Zurique/ Lucerna – visita Monte Titlis e retorno a Zurique (bate e volta)
24/01 Interlaken – subida Jungfraujoch
25/01 Interlaken
26/01 Château doex – balões dormir lá
27/01 Château doex – gruyere
28/01 ida a Genebra

Resposta
Giovana Setembro 19, 2018 at 1:31 pm

Ola Fernanda,
Estaremos fazendo uma viagem a Suiça no Mês de janeiro com 06 crianças entre 03 e 09 anos.
Gostaria de algumas dicas para passeios com a turminha, ficaremos uma semana em St Moritz no Club Med e teremos mais 08-09 dias para explorar outros lugares.
Agradeço desde já a sua ajuda,
Super Obrigada

Resposta
Liliane Oliveira Setembro 20, 2018 at 7:03 pm

Olá Giovana,
A Fernanda Moura parou de colaborar conosco, mas temos outras colunistas na Suíça que talvez possam te ajudar.
Você pode entrar em contato com elas deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação