BrasileirasPeloMundo.com
Espanha Estações do Ano pelo Mundo

O tão esperado verão na Espanha

O tão esperado verão na Espanha.

Chegou junho! E com ele a estação tão esperada aqui no hemisfério norte. Por fim podemos dizer que é verão! Nós, aqui na Espanha, não temos tantos motivos para reclamar do inverno quanto o pessoal que vive nos países mais ao norte da Europa. Mas ainda assim, durante os meses mais frios, os espanhóis ficam ansiando pelo verão.

É divertido ver como mudam completamente a maneira de vestir já quando chega a primavera. Todas as roupas de tecido colorido saem do armário. As vitrines costumam estar todas estampadas, uma alegria só! Dá para sentir a animação e o alto astral das pessoas. A vida ao ar livre, que durante o inverno já é bastante apreciada, passa a ser puro deleite. Tudo aberto até mais tarde, novas decorações nos restaurantes, pátios ao ar livre, lojas de sorvete com fila na porta… É muito bacana de ver, já que no Brasil não temos as estações tão demarcadas assim.

Leia também: Comidas típicas do verão espanhol

Aqui o verão é usado como marcador temporal. Nas empresas é comum as pessoas dizerem que um determinado projeto tem que estar pronto antes do verão ou que o contrato de tal pessoa vai até o verão. É normal as pessoas usarem o verão como um limite de tempo. No começo eu não entendia muito bem, ficava confusa, afinal o verão dura 3 meses, mas agora já compreendo melhor. Se o assunto é trabalho, ter um projeto pronto até o verão significa tê-lo pronto em julho, já que agosto é o mês onde a grande maioria das pessoas está de férias e diversos negócios estão fechados. Quando eles usam a expressão “quando acabe o verão” estão se referindo ao mês de setembro. Por exemplo: “quando acabe o verão vamos começar a planejar os novos projetos.”

Como dito acima, o marcador temporal “verão” acaba sendo bastante amplo, pois não significa uma data específica. Isso acaba deixando o contexto um pouco aberto, principalmente para quem não está acostumado. Mas ainda assim é completamente compreensível e aos poucos a gente vai se adaptando e até passa a usar essa expressão.

Aqui na Catalunha um dia que é a unanimidade da alegria é o dia de São João. A data está coladinha ao solstício de verão, que marca o dia mais comprido do ano. Nesta época o sol aqui em Barcelona raia até as 21h30! A véspera de São João (noite do dia 23 para o dia 24 de junho) é altamente comemorada e o mais habitual é acender fogueiras e reunir os amigos ao redor para celebrar. São as chamadas “verbenas”. O rito de acender fogueiras é bastante antigo e tinha o significado de dar mais força ao sol, já que passado o solstício os dias vão, pouco a pouco, tornando-se mais curtos, até a chegada do solstício de inverno, que marca o dia mais curto do ano. Já ouvi relatos de pessoas aqui de que, até pouco tempo atrás, as crianças chegavam a coletar até móveis velhos (cadeiras, armários, mesas) para fazer a tal fogueira.

Leia também: Tudo que voce precisa saber para morar na Espanha

Além disso, é costume também soltar fogos! Ou seja, o dia de Sant Joan na Catalunha é uma festa só! Coincide também com o início das férias escolares e nesse dia é comum todo mundo ficar acordado até tarde. E mesmo para os que não estão de férias, não existe desculpa para não aproveitar pois o dia 24 é feriado. Estar na Catalunha nessa data é viver esse espírito e confirmar como é divertido. Afinal, os dias ensolarados são sempre mais felizes!

É bem verdade que os espanhóis têm fama de reclamões. E em parte, o são. Durante o inverno se queixam que faz muito frio, que já não aguentam mais, que não vêem a hora que chegue o verão. Durante a primavera se queixam das alergias pela quantidade de pólen no ar. Durante o outono reclamam que anoitece muito cedo, que o frio já está chegando. E durante o verão, é claro que reclamam do calor. Não poderia ser diferente! Mas ainda assim, é visível que desfrutam muito desta estação e que estão super contentes de poder vivê-la. E quem não gosta? Eu adoro! O período de praias, água salgada e biquini me faz lembrar as coisas boas da vida no Rio de Janeiro…

Related posts

A mulher na sociedade espanhola

Marcela Bueno

Roteiro de um dia por Valência

Camile Wyatt

Como faço para casar na Espanha?

Susana Sawa Toledo

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação