BrasileirasPeloMundo.com
Discriminação Pelo Mundo Espanha

Os catalães são fechados = fake news!

Se você está se preparando para vir morar na Catalunha provavelmente anda lendo bastante e conversando com terceiros para se informar sobre a região, certo? Essa também foi minha atitude antes de tomar a decisão de vir para cá. Comecei a pesquisar pela internet e algumas vezes me deparei com textos que diziam que os catalães eram um povo muito fechado. Me lembro que isso acendeu uma luz amarela dentro de mim e confesso que me deu um pouco de medo de sofrer uma certa rejeição, ainda mais porque cheguei aqui no auge das manifestações independentistas de outubro de 2017. Além dessa questão política, Barcelona estava (e continua) recebendo um fluxo enorme de turistas e havia também protestos dos moradores que sentiam que o turismo em massa estava prejudicando sua qualidade de vida.

Há séculos atrás, quando ainda não havia o Estado Espanhol, a Catalunha era uma região independente, assim como Aragão, Castilha, etc. Mas, desde o século XIX forma parte do Estado Espanhol (à revelia para certa parcela da população) e atualmente é a região autônoma que tem maior participação no PIB industrial do território espanhol. Arrisco dizer que 99,9% dos nascidos aqui são bilingues (catalão e castelhano) e muitos deles adotam o catalão como seu primeiro idioma.

Leia também: tudo que você precisa saber para morar na Espanha

Isso mostra que historicamente é uma região que tem uma veia separatista e o fato de haver outro idioma oficial além do castelhano, na minha opinião, ajuda a perpetuar isso.

Fiz essa introdução para tentar demonstrar porque eu acho que algumas pessoas que vêm de fora têm a impressão de que os catalães são fechados. Meu primeiro palpite seria pela diferença de idioma. Apesar de, como eu ter dito anteriormente, todos serem bilingues, muitos catalães falam entre si em catalão. É uma questão de hábito, adquirida desde a infância, já que nas escolas essa é a língua usada nas salas de aula.

Pode ser que para alguns expressar-se em catalão seja um fator nacionalista, mas para a maioria, acho que é basicamente uma questão de hábito. Então quando alguém de fora chega aqui, a primeira barreira que encontra é a do idioma. A comunicação é obviamente a fonte de aproximação das pessoas; se não há comunicação, não há aproximação. Por isso acredito que muitos recém-chegados enxergam os catalães como fechados.

Leia também: Dicas para aprender um novo idioma

Eu, particularmente, tive a impressão oposta! O que me leva a crer que a generalização é “fake news” (notícia falsa)! Me senti extremamente bem acolhida aqui. Considero os catalães um povo muito gentil e educado. São pessoas acostumadas a estar em contato com diversas culturas, já que a Catalunha (especialmente Barcelona, a capital) é o primeiro destino turístico da Espanha, e por isso são bastante solícitos com os recém-chegados. Além disso eles são bastante orgulhosos de suas tradições e estão sempre divulgando e ensinando as coisas típicas: desde comidas até danças, passando por datas comemorativas.

Geralmente as pessoas são muito compreensivas, e quando sabem que, numa roda de conversa, há alguém de fora, usam o castelhano. Porém, como algumas estão muito habituadas a falar em catalão entre si, as vezes retornam a este idioma por instinto, sem se dar conta. Percebe-se que não é por falta de educação ou por tentativa de exclusão, é apenas o instinto que fala mais alto. E então é comum aos “de fora” sentirem-se um pouco como “peixe fora d’água”. No lugar onde trabalho isso acontece a todo momento, apesar de o ambiente ser de nacionalidades totalmente misturadas, vira e mexe rola um papo em catalão no meio da roda; mas logo que as pessoas se tocam que não estavam falando em castelhano, voltam a ele rapidamente.

Leia também: Aprender Catalão

Se você estiver vindo para cá, fique tranquilo. Os catalães são bastante receptivos. Meu primeiro conselho, no entanto, é que você, ao chegar, se familiarize com o idioma catalão. Dessa maneira poderá participar das conversas em seu entorno (seja no trabalho, universidade, família do (a) parceiro (a), escola dos filhos, vizinhança, academia…) e obviamente se sentir mais integrado. Não é necessário falar a língua, até porque aprender a falar um idioma leva tempo, mas se você puder compreendê-la, já será de grande ajuda! A Generalitat de Catalunya (governo da região) disponibiliza cursos gratuitos de catalão para estrangeiros.

E o segundo e mais importante conselho é: esteja aberto você também! Afinal, a energia que você emana é a energia que você atrai!

Related posts

Os desafios de ser vegetariana no interior da Catalunha

Juliana Marra

Casamentos com espanhóis

Juliana Bezerra

Aplicativos que facilitam o dia a dia em Madri

Daiane Antunes

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação