BrasileirasPeloMundo.com
França Turismo Pelo Mundo

Passeio por Lyon

Quem pensa que a França se resume em Paris se engana. Lyon, onde moro, é uma cidade encantadora. Quero ver não se apaixonar no final do meu texto!

Lyon foi fundada em 43 A.C. pelos romanos e é a segunda cidade com maior área urbana do país e terceiro maior município; ela também é a capital da região dos Alpes e onde nasceram os irmãos Lumière (os inventores do cinema), Saint-Exupéry (o autor do livro “O Pequeno Príncipe”, gente!) e Allan Kardec. Também é a capital gastronômica francesa.

Mas Jéssica, o que fazer em Lyon? Olhem… tem MUITA coisa legal pra fazer aqui!

Para começar, o centro da cidade, chamado Presqu’île (quase ilha), fica entre os dois rios que cortam a cidade: o Rhône e o Saône. O lado em que os dois rios se encontram (no outro lado eles não se encontram e por isso o nome quase ilha) é o bairro ultra moderno e todo renovado chamado de Confluence: lá tem o recém inaugurado Musée des Confluences, vários prédios modernos, a Sucrière (antiga fábrica de açúcar que agora é onde tem a Bienal de Artes, raves…) e um centro comercial.

Arquitetura no bairro Confluence
Arquitetura no bairro Confluence

Continuando no centro chegamos na Bellecour que é uma das maiores praças da Europa: lá encontramos o monumento de Louis XIV, bem no meio da praça; um monumento do Pequeno Príncipe (em um danado de um treco alto, demorei semanas pra encontrá-lo) e dessa praça podemos ver a Basílica Notre Dame de Fourvière lá no alto da colina. Aqui também é o marco zero da cidade.

Place Bellecour
Place Bellecour

Duas ruas principais no centro: a Rue de la République, toda no estilo Haussmannien (tem H&M, cinema, Zara, Etam, Yves Rocher, McDonalds, Sephora) – nessa rua está a praça da República; e a rua paralela, Rue du Président Edouard Herriot (marcas famosas, caras e chiques) – no meio dessa rua tem a Place des Jacobins, uma praça recém inaugurada e minha queridinha pra uma pausa rápida no almoço.

Place de la Republique
Place de la République

 

Place des Jacobins
Place des Jacobins

O final do centro é marcado pela Place des Terreaux. Era aqui que as pessoas eram decapitadas durante a Revolução Francesa. Nesta praça tem a fonte Bartholdi, o Hôtel de Ville, onde funciona o conselho municipal e importantes decisões são tomadas; o Musée des Beaux Arts (Museu de Belas Artes), com um jardim ótimo e silencioso no meio da agitação central; e também nas proximidades fica a ópera de Lyon.

Place des Terreaux e ao fundo Hotel de Ville
Place des Terreaux e ao fundo, Hôtel de Ville

Como toda boa cidade europeia que se preze, aqui também tem o bairro antigo. O Vieux Lyon tem ruas estreitas onde não passam carros, restaurantes diversos, lojinhas de souvenires  e apesar de ser uma área turística, vale a pena comprar as lembrancinhas; há também o Museu da Miniatura e do cinema e o Teatro Guignol – sabe o boneco de marionete? Bingo! É lionês também! E anotem aí o endereço do melhor sorvete da Vieux Lyon, na Terre Adelice: 1, place de la Baleine.

Vieux Lyon

Para chegar até a Basílica Notre Dame de Fourvière, lá em cima da colina, basta pegar o funicular (bondinho) dentro do metrô Vieux Lyon (linha D) e em 2 minutos você sai em frente da Basílica. Ela foi construída em 1872. Dessa colina conseguimos ver a cidade do alto, ver os 2 rios cruzando a cidade… Lindo. Próximo dali (5 minutos a pé), chegamos às ruínas do grande teatro romano. Foi nessa colina que a cidade começou a ser construída.

Para os amantes do cinema temos o Institut Lumière, museu do cinema: lá se pode ver o galpão onde foi gravada a primeira cena do primeiro filme do mundo; há um cinema com clássicos, conferências e o Festival de cinema. O instituto fica na linha D do metrô, parada Monplaisir Lumière.

Institut Lumiere,

E o Parc de la tête d’or é uma área verde muito gostosa de visitar. Tem atividades infantis, um mini Zoo, jardim botânico, jardim das rosas, trenzinho e mini golf.

Outra atração pela cidade são os muros pintados: eles estão espalhados pelas ruas. Mas porque citá-los neste texto? Simples: Eles são tão detalhados, tão reais, que se passando despercebido achamos que é de verdade. O mais famoso é a La Fresque des Lyonnais, onde há pinturas de várias pessoas famosas nascidas em Lyon.

Le fresque des lyonnais

Bom pessoal, espero que tenham gostado do passeio.

Um beijo, um queijo – morbier por favor – e um vinho Côtes du Rhône, claro!

Related posts

Os 10 melhores museus de Varsóvia

Gizelli Gliwic

Férias escolares na França

Lilian Moritz

Dicas de turismo na Cidade do México

Stephanie Caires

16 comentários

Jaqueline Julho 3, 2015 at 2:05 pm

Adorei Jessica!
Lyon cidade linda, cheia de historia e arquitetura.
Beijos
.

Resposta
Jéssica Julho 5, 2015 at 12:45 pm

Obrigada Jaqueline, Lyon é realmente encantadora, vale a pena visitar. =)
Grande abraço

Resposta
Juraci Pike Julho 3, 2015 at 4:10 pm

Eu tb adorei seu texto Jessica. Um verdadeiro tour por Lyon. Vou compartilhar com a minha nora que frequentemente expressa vontade de conhecer a Franca. Eu acho que alem de um passeio rapidinho p/ Paris, pelo seu relato e pelo pouco que visitei quando la estive, mais vale a pena visitor Lyon. Obrigada!

Resposta
Jéssica Julho 5, 2015 at 12:46 pm

Obrigada Juraci, compartilhe com ela sim e aproveitem pra próxima visita na frança passarem por aqui. Ficarei honrada.
Abraços

Resposta
Lo Julho 4, 2015 at 6:22 pm

Wow, que aula de historia ! Numa proxima oportunidade vou prai correndo !

Resposta
Jéssica Julho 5, 2015 at 12:48 pm

hahaha, ta vendo Lo? Aprendi direitinho ne não? Deixa nossa princesinha pegar uma tamanho que aguardo vcs aqui com ctz! já tem 2 anos desde nosso encontro lá na fronteira, tempo!! beijos nessa familia linda

Resposta
Thays Julho 7, 2015 at 3:53 pm

Oii Jéssica tudo bom ? 🙂 muito bom o seu texto e estou cada dia mais encantada com a França *-* , tenho familia aí e atualmente moro em Dublin (intercambio) .. Vi que você chegou aí como au pair , e estou muuuito interessada em tentar ir como au pair também! Foi muito complicado? Você foi por agencia ? Teve que comprovar renda ? Desculpa tanta pergunta, é que to lotada de dúvidas e não consigo achar muitas respostas online 🙁
Agradeço desde de já a você , beeijo , e continue aproveitando tudo o que tem direito ^.^

Resposta
Jéssica Julho 8, 2015 at 8:20 pm

Oi Thays, tudo bem e vc? Obrigada pelo comentário. Eu adoraria conhecer Dublin, espero que em breve!!
Sobre au pair França não é complicado não, só é trabalhoso… vim sem agência pois não é obrigatório aqui e não precisa comprovar renda não. Meu blog pessoal contando um pouco sobre a saga au pair antes de embarcar é http://www.brasileiranafranca.fr (ja ja colocam aqui no meu perfil) e o instagram com fotos do meu dia a dia é http://www.instagram.com/jeh_rm em breve farei 2 posts aqui no BPM sobre o processo au pair, fique de olho! grande beijo

Resposta
Thays Julho 10, 2015 at 10:19 pm

Muito obrigada pela resposta flor! Venha para Dublin você vai amar! <3 vou olhar tudinho agora , muito obrigada , beeijo :*

Resposta
Jéssica Julho 12, 2015 at 7:27 am

de nada! Qualquer dúvida vai perguntando por lá ou por aqui. =)

Resposta
Thays Julho 15, 2015 at 11:51 pm

não consigo entrar no seu site 🙁 dá fora do ar ! 🙁

psicrodrigo Julho 7, 2015 at 11:50 pm

Oi minha linda adorei muito o que vc escreveu . Estamos orgulhosos de ter vc como nossa filha . Que Deus coloque muita luz no teu caminho,te protegendo e te abençoando ….te amamos muito bjs Soely/ Jose

Resposta
Jéssica Julho 8, 2015 at 8:22 pm

Mamis, Papis e Rodi, saudades de vcs!!! Semana que vem to chegando pra comer coxinha e pedir lanche do Saldanha. Amo vcs!

Resposta
psicrodrigo Julho 12, 2015 at 2:44 pm

Estamos esperando bj.

Resposta
Beatriz Morgado Julho 9, 2015 at 6:04 am

Jé, amei saber mais um pouquinho de Lyon pelas suas palavras e fotos!
Sei que ainda to te devendo uma visita (e um post card), mas qualquer dia apareço aí e você me leva pra passear. AMEI o muro pintado, parece muito de verdade!!!
Aproveite muito tudo aí!
Beijo!

Resposta
Jéssica Julho 9, 2015 at 4:39 pm

Bia!!!! Ta vendo? Tem que vir! Vem sozinha se Thominhas não quiser… e oh, esses dias mesmo Nico falou que queria voltar em Londres quem sabe no verão do próximo ano (se não for longe pra vcs a gente podia se ver tb ne?!).
Esse postcard ta encantado! um dia ele sai, tenho fé hahaha
bjs

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação