BrasileirasPeloMundo.com
Quanto custa Suécia

Quanto custa fazer supermercado na Suécia

Quanto custa fazer supermercado na Suécia.

Antes de me mudar pra Suécia, há quase 17 anos, ouvi de conhecidos que comprar comida por aqui era artigo de luxo, principalmente durante o inverno. Também ouvi que muitas pessoas estocavam comida de novembro a abril, já que devido ao frio rigoroso os alimentos não chegavam ao supermercado, especialmente se tratando de frutas. Lembro que tomei um susto daqueles quando entrei no supermercado do bairro pela primeira vez e encontrei uma variedade imensa de produtos, entre eles, frutas. Está certo que o gosto das frutas por aqui mal se compara as do Brasil, mas que elas existem aos montes, elas existem, inclusive frutas brasileiras.

Talvez você já tenha escutado que a Suécia tem um dos custos de vida mais caros da Europa? Isto é bem verdade. E o custo com alimentação é um dos grandes vilões do orçamento familiar por aqui. Meus amigos italianos costumam ficar de “queixos caídos” quando vêm nos visitar e vão ao supermercado comigo. Quando estamos de férias em Portugal ou na Grécia achamos a comida lá muito barata.

Leia também: Emprego na Suécia

Uma informação importante para quem está de mudança para cá ou é recém-chegado é que o custo de vida, incluindo alimentação, varia de cidade para cidade. Pesa mais no bolso fazer compras de supermercado nas grandes cidades como Estocolmo e Gotemburgo. Os preços também variam de bairro para bairro. Ir ao supermercado no centro de Estocolmo sai 30% mais caro do que nos bairros mais afastados.

Mas porque a comida por aqui é cara se comparada a outros países europeus e ao Brasil? O clima sueco é um dos responsáveis pelo aumento do preço, uma vez que muitos itens precisam ser importados. Um bom exemplo são frutas, legumes e algumas verduras (com exceção da batata que é cultivada aqui). Outro fator que torna caro o preço da comida é fato de que os suecos valorizam muito a produção local, ou seja, o sueco não quer comprar comida vinda de outros países e sim comida produzida dentro da Suécia. Para os suecos, é de extrema importância saber a origem dos alimentos. O uso de agrotóxicos e hormônios são totalmente proibidos em todo o país. Os alimentos ecológicos são os escolhidos dos suecos e comida ecológica é bem mais cara que a não ecológica.

Falando em produção local, a Suécia tem regras muito rígidas para a produção de alimentos, incluindo plantio e colheita. No caso de carne, leite e derivados as exigências são ainda mais rígidas. Os animais, por exemplo, não podem ficar confinados durante a primavera e o verão, o que encarece a produção de carne e leite, já que os produtores locais não podem ter um rebanho grande. Estes custos são no final repassados ao consumidor final. Lembrando que muitos suecos são vegetarianos ou veganos, o que faz a variedade de carne diminuir nas prateleiras. Agora, em época de eleições muitos políticos sugerem a proibição do consumo de carne vermelha na Suécia, em prol do meio-ambiente.

A variedade de supermercados não é grande por aqui. O ICA – que é a rede mais antiga da Suécia tem preços variados, dependendo do bairro. O Coop Konsum – tem preços mais caros devido a variedade de produtos ecológicos que vendem. Aliás, especialidade em produtos ecológicos é a marca deste supermercado. Depois temos o Willys – uma rede de supermercados com preços populares. No Willys você encontra produtos de outros países, a picanha brasileira, por exemplo, sempre existe nas prateleiras. Ainda em fase de expansão por aqui temos o Lydil conhecido por oferecer preços bem baixos e muitos produtos importados. Quando me mudei para cá não era comum encontrar produtos brasileiros nos supermercados. Hoje, já não é uma raridade. A maioria das redes de supermercados tem a opção de compra online. Então, se você estiver sem tempo de fazer compras é só fazer o pedido pelo site do supermercado escolhido e receber as compras em casa. Pagamento deve ser feito pelo cartão de crédito e o supermercado tem o prazo de 24 horas para fazer a entrega na sua porta.

Uma boa parte dos suecos tem o hábito de ir ao supermercado todos os dias, já que gostam de consumir produtos novos e frescos. Outros fazem compras semanalmente. Mas a famosa compra do mês que muitos de nós fazíamos no Brasil não é uma prática adotada pelos suecos. Para quem não quiser ficar na fila do caixa pode optar pelo “faça você mesmo”, ou seja, você passa as compras no caixa eletrônico e paga com cartão de crédito ou débito. Muito rápido e efetivo.

Mas, vamos dizer que você chegou aqui e quer saber quanto vai pagar numa compra de supermercado que vai durar uma semana. Os valores que vou colocar aqui são baseados no cambio de hoje e são aproximados, já que como citei neste artigo, os valores dos produtos variam de supermercado para supermercado. Lembrando que supermercados como o ICA tem seus próprios produtos que no geral são mais em conta que os de marcas conhecidas. Então vamos lá :

Carne moída ecológica (500 gramas) 60 kr = 24 reais
1 dúzia de ovos ecológicos 53 kr = 21 reais
1 litro de leite ecológico 20 kr = 8 reais
Queijo 1 kilo 60 kr= 24 reais
Manteiga (600 gramas) 41 kr = 16,50 reais
Suco de laranja em caixa (1 litro) 20 kr = 8 reais
Margarina com sal 500 gramas 39,00 kr = 15 reais
1 pacote de pão em fatias 20 kr = 8 reais
1 pacote de pão para hambúrguer ( 8 pães ) 27,00 kr = 11 reais
Molho de tomate em caixa (300 gramas) 10 kr = 4, 00 reais
1 pacote de macarrão (500 gramas) 20,00 kr = 8 reais
Peito de frango (600 gramas) 80,00 kr = 32 reais
1 pacote de bacon (125 gramas) 15,00 kr = 6 reais
1 pacote de café ( 500 gramas) 50 kr = 20 reais
Cebola amarela ( 500 gramas) 20 kr = 8 reais
1 kilo de cenoura ecológica 27 kr = 11 reais
1 kilo de batata 12 kr = 5 reais
Tomate ecológica 250 gramas 16 kr = 7 reais
1 pacote de rúcula 200 gramas 29,00 kr = 12 reais
Laranja da África do Sul – 300 gramas 29,00 kr = 12 reais
Detergente ecológico 500 ml – 18,00 kr = 7,50 reais
Papel higiênico – 32 rolos 105 kr = 42 reais
Sabão em pó sem perfume 750 gramas 30,00 kr = 12 reais
Creme dental – 125 ml 22,00 kr = 9 reais
Scampoo 250 ml 20,00 kr = 8 reais

Em média uma família com 4 pessoas gasta entre 1000 -1500 kr por semana em uma compra semanal de supermercado.

Deixo aqui algumas dicas para economizar com as compras:
1. Aproveite as promoções. Todas as semanas os supermercados escolhem determinados produtos que são vendidos com quase 50% de desconto.
2. Congelar carnes e aves que você não usou no almoço ou na janta também ajuda no orçamento;
3. Escolhas produtos que venham em pacotes grandes (por exemplo: papel higiênico, sabão em pó, fraldas). Eles sempre vêm com descontos.
4. Se você tem carro, vá ao supermercado mais barato. A diferença de preço pode chegar até 30 %.
5. Escolha a marca de produtos mais baratos. Nem sempre as marcas mais caras têm a melhor qualidade.

No demais, boas compras!

Related posts

Como é casar na Suécia?

Verônica Ferreira Iwarson

Custo de Vida na Suécia

Priscilla Furlanetto

Bem-vindos a Gotemburgo, costa oeste da Suécia

Ana Laura Stål

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação