BrasileirasPeloMundo.com
Inglaterra Transporte Público Pelo Mundo

Transporte público em Londres

Enquanto no Brasil o carro é um investimento caro e talvez por isso para muitos seja tratado quase como um “membro da família” , em Londres, o veículo não faz tanta falta. No nosso país, o carro é a “solução” para um sistema de locomoção pública que não funciona e uma forma de dizer a que grupo pertence, se tem um bom carro, é tratado como alguém que se deu bem na vida.

Pra mim é comum utilizar o transporte público em Londres sozinha e a qualquer hora do dia e da noite. Me sinto segura. A noite, geralmente as pessoas saem de festas, bares, e estão felizes e mais descontraídas para conversar com estranhos, é incrível como é mais fácil conversar com um londrino em um transporte público a noite do que em um “horário normal”.

bus pink

A verdade é que o transporte público da capital britânica é excelente e possui um dos maiores e mais antigos metrôs do mundo, com 152 anos, 270 estações e 402 quiilômetros!

Metrô, trens e ônibus conectam a cidade de norte a sul, leste, oeste. Dividida por zonas, sempre se paga mais (no caso do metrô) quando você utiliza uma das estações da zona 1, a área central de Londres.

woodgreen

Conhecido como “tube” ou “underground”, o metrô é umas das formas mais fáceis de se circular pela cidade, cada linha tem um nome e uma cor. Vale a pena carregar um mapinha do metro no bolso – ou ter o aplicativo no seu telefone e aprender a utilizar o transporte público – as estações são bem sinalizadas, você precisa apenas trem que aceitam o Oyster card,mesmo que o portão esteja aberto, senão, a cobrança será dobrada. No ônibus, tocar uma vez é suficiente.

A mais recente novidade no transporte público londrino é o pagamento Contactless que pode ser feito com o cartão do banco e desconta direto da sua conta bancária, excelente quando não tem mais crédito no Oyster. Desde 2014, os ônibus da cidade também não aceitam mais pagamento em dinheiro. O único cuidado é quando não utilizar o Oyster ter um cartão contactless junto, a cobrança pode vir em dobro.

O site do Transport for London (Transporte para Londres) auxilia na sua trajetória, você coloca o Post Code (CEP) do seu ponto de partida e o do seu destino. Se não tiver o número do código postal, é possível utilizar outras referência como ponto de interesse, estação de metrô ou outras informações do endereço, como o nome da rua. Eu utilizo todas as vezes que preciso ir a um local que nunca fui antes!

Museu do transporte de Londres

Se você quiser conhecer mais sobre a história do transporte da cidade que é referência de mobilidade urbana no mundo, dê uma passadinha no London Transport Museum (Museu do Transporte de Londres). Localizado em Covent Garden, bem no centro, o museu é uma viagem ao tempo sobre o metrô, o ônibus, o taxi, enfim, todo transporte londrino. Esse museu não é graça, apenas criança não paga acompanhada de um adulto. A entrada custa 16 libras e pode ser utilizada por um ano, isso significa que enquanto o bilhete ainda está válido, o visitante pode voltar ao museu quantos vezes quiser. Também tem os tours guiados. Para mais informações acesse o site do museu.

Leia mais sobre a Inglaterra: Tudo o que você precisa saber para morar na Inglaterra!

Related posts

Cinco motivos para morar no interior da Inglaterra

Juliana Brandão

Como alugar uma casa em Londres

Nathália Braga Bannister

Gravidez na Inglaterra

Juliana Brandão

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação