BrasileirasPeloMundo.com
Arábia Saudita Turismo Pelo Mundo

Turismo na Arábia – Al Asfar Lake

Fonte: Arquivo pessoal

Turismo na Arábia – Al Asfar Lake

O ano de 2020 foi um ano atípico como já sabemos e estamos cansados de saber. 

Muitos planos foram por água abaixo, muito jogo de cintura precisou ser aplicado, e a vida na Arábia Saudita ganhou uma nova página que era sempre adiada. 

Com as fronteiras fechadas para o mundo por muitos meses, esse foi o ano do turismo interno. Ano de conhecer as atrações locais (que nem mesmo os sauditas conhecem direito), aproveitar as belezas que o deserto tem a oferecer e deixar aquela cervejinha gelada pro futuro.

Pois é, esse ano não deu nem pra cruzar a ponte e ir para o Bahrein!

Al Asfar lako, ou Lago Amarelo

Eu vi o sol se pôr do meio do deserto e coloquei meu carro pra jogo nas areias, perdi o fôlego na beira de um penhasco (esse passeio você pode conhecer através do texto da Diene). 

Passei frio e peguei chuva no sul do país, conheci uma arquitetura árabe que jamais imaginei que existiria. Agora para coroar só falta mergulhar no Mar Vermelho e ver um camelo coberto de neve no deserto, sim, isso é possível!

Um dos mais recentes passeios que fiz aqui na Arábia Saudita foi para o Al Asfar Lake, ou Lago amarelo, pois “asfar” é amarelo em árabe.

Al Ahsa é uma região que possui um dos maiores Oásis do mundo (oásis é uma região fértil e abundante de água subterrânea no deserto) e possuem o maior sistema de irrigação do país.

Esse lago é formado pela descarga do excesso de água extraída do aquífero dessa região. Também serve de paradouro para aves migratórias mas infelizmente não é um lago que se possa nadar, porque concentra poluentes e metais pesados.

Leia também: Conquistas femininas na Arábia Saudita

Existem grupos de turismo que te levam até lá, mas fomos corajosos e fomos com um grupo de amigos.

Isso foi algo que esse ano também nos trouxe, esse grupo de amigos aventureiros e dispostos a desbravar o país, mesmo sem muitos recursos e informações, na cara e na coragem.

É claro que turismo no improviso nem sempre sai como planejado, rende alguns apuros mas também muitas risadas. 

A princípio só tínhamos a localização do GPS até o ponto que sai da estrada e entra no deserto. De lá tentaríamos seguir adiante.

Turismo na Arábia – Al Asfar Lake e meu carro atolado!

Por sorte, quando chegamos nesse ponto, já tinha dois carros de sauditas que estavam esperando um terceiro. Eles prontamente se ofereceram para nos guiar até a duna, pois já conheciam o lugar. Saudita adora ajudar, outros amigos que foram uma semana depois tiveram a mesma sorte.

O caminho não era tão difícil, tinha uma trilha bem clara levando até o pé da duna, era uma areia mais dura com algumas pedras pelo chão.

Só teve um ponto da trilha que ela se dividiu em duas, mas qualquer um destes caminhos levariam até o lago, vistas diferentes. Seguimos os sauditas e chegamos até o lugar que pelo Google era considerado “a melhor vista”.

De lá de baixo só era possível ver areia. Precisávamos subir a duna. E essa é a mágica desse local, conforme você vai subindo, um lago enorme vai se revelando. 

Lago no deserto
Fonte: arquivo pessoal

Dá pra subir a pé se você tem pernas fortes e um coração treinado. Mas a gente quis fazer do jeito certo: colocando os carros no jogo. 

Para conseguir andar pela areia fofa, é preciso antes de tudo esvaziar os pneus a 20 PSI, dessa forma eles conseguem se mover sem afundar e acionar o 4×4. Isso estava na minha “lista de coisas pra fazer na Arábia”. Eu já tinha dirigido no deserto antes, mas essa seria a primeira vez com meu próprio carro. 

Pneus prontos, peguei distância, pisei no acelerador e começamos a subir… E o carro subiu, subiu o que pode, até que já não se movia mais. Atolamos no meio da subida! 

Não tinha o que fazer, quanto mais acelerava mais o carro afundava. Tentei a marcha ré, ele afundou mais um pouco. Mas eu já esperava que isso fosse acontecer.

Uma pausa para apreciar a paisagem

Em minha defesa, eu tive que desacelerar um pouco na subida pois o carro que estava na minha frente também perdeu velocidade e atolou. E também meus pneus ainda estavam um pouco cheios demais. 

Olhei à volta e não era a única, outros carros do nosso grupo de ávidos exploradores principiantes também estavam parados na metade da subida. 

Prontamente alguns sauditas se ofereceram pra ajudar, inclusive um deles veio se exibindo que conseguiu subir e o carro dele nem era 4×4, seu momento de glória.

Mas resolvemos deixar o carro lá e apreciar a paisagem. Mais tarde tentaríamos de novo. 

Subimos o resto da duna a pé e lá de cima pudemos aproveitar algumas horas de tranquilidade e diversão. Nossos amigos levaram pranchas de sandboard para brincarmos.

Leia também: 10 atrações imperdíveis na Arábia Saudita

Algumas famílias já estavam começando a montar acampamento: esticar o tapete e tomar chá. Ficamos observando e tirando fotos dos pássaros e do contraste único das areias do deserto refletindo na água do lago. 

Por volta das 4h da tarde o lugar começou a encher de gente. Outros grupos de turismo, mais famílias e muitos carros fazendo safári nas dunas. Aquele lugar ganhou mais vida, mais barulho e mais gente pra ajudar a desatolar o carro. 

Tentamos tirar o carro de onde estava com a ajuda de alguns locais, novamente voltei para a base, esvaziamos os pneus um pouco mais, peguei velocidade e acelerei! 

E foi, o carro sofreu mas chegou lá! E assim eu risquei mais uma tarefa da lista que me fez refletir:

alguns desafios da vida só exigem da gente uma segunda tentativa, dessa vez com mais experiência, com as ferramentas certas e com mais coragem. 

A essa altura o sol já estava indo embora e nos presenteando com mais um pôr do sol maravilhoso para registrar. Muita gente chega lá nesse horário para passar a noite e ver o sol nascer. É preciso levar tudo que for necessário pois não tem estrutura nenhuma, é literalmente no meio do deserto.

Fechamos a noite com um jantar típico saudita em um restaurante local.

Gostou desse passeio? Está vindo para a Arábia ou mora aqui?

Vou deixar o link da localização, o restaurante e um grupo de turismo que pode te levar nessa aventura. 

Al Asfar Lake

Al Fursan Restaurant

Adventure Khobar

Related posts

Dicas de passeio em Sintra

Lyria Reis

Wrocław à primeira vista

Danielle Smagasz

Turistando em Barcelona

Gleice Garcia Santiago

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação