BrasileirasPeloMundo.com
Ilha de Man Turismo Pelo Mundo

Turismo na Ilha de Man

A Ilha de Man, por ser um país pouco conhecido pelos brasileiros, não está entre os roteiros turísticos mais procurados na Europa. Com exceção dos motociclistas, que são fissurados em conhecer o país por conta da famosa corrida de motos, nunca ouvi ninguém falando que faria uma viagem para conhecer a Ilha de Man.

Tudo bem, a gente entende, mas estou aqui para apresentar um pouco mais do que a Ilha tem a oferecer aos turistas. Posso assegurar que vale a pena um pulo na Ilha para conhecer um pouco da sua riqueza cultural, histórica e tudo mais que faz com que esse seja um pequeno país muito singular.

Orla de Douglas – fonte: arquivo pessoal

1- Douglas, a capital

Douglas é a capital e a maior cidade do país, mas não espere uma cidade movimentada com trânsito caótico, poluição sonora e deslocamento complicado. Douglas é bem tranquila, com pouquíssimo trânsito e pode ser explorada toda a pé. Caminhe pela orla da praia de Douglas e aprecie a linda arquitetura. Na capital, você pode ainda visitar o Museu Manx, para ser o ponto de partida para conhecer a Ilha e suas tradições. Não esqueça de caminhar pela principal rua da cidade, chamada Strand Street. É uma espécie de ruela que não passa carro e é cheia de lojas, cafeterias e charmosas casas de chá.

2- Museu Manx

O Museu Manx está localizado em Douglas e é um ótimo local para visitar em um dia chuvoso, clima muito comum por aqui. O museu guarda e exibe artefatos e tesouros únicos da Ilha de Man. Os 10.000 anos de história da ilha são apresentados através de filmes, galerias e exibições interativas. O ponto de partida perfeito na sua jornada de descoberta em torno da Ilha de Man e seu passado viking e celta. O museu é gratuito e sempre conta com alguma exposição temporária.

3- Viagem de trem a vapor

Ainda em Douglas, há uma estação de trem a vapor, o Steam Railway, que foi inaugurado em 1874 e ainda funciona com a locomotiva e carruagens originais. É realmente uma viagem no tempo. Cada cabine é separada e cabe cerca de 8 pessoas. A viagem com a maria-fumaça é realmente linda, vai de Douglas até a cidade do sul chamada Port Erin e tem duração de uma hora. Você pode fazer o trajeto sem interrupção ou descer nas estações pelo caminho e explorar as outras cidades. Conheça também outros trens que circulam pela ilha neste post.

4- Castle Rushen

É um lindo castelo medieval localizado na cidade chamada Castletown, na região sul. O castelo está entre os melhores exemplos de castelos medievais nas Ilhas Britânicas e um dos mais bem preservados do mundo. Originalmente, ele foi construído para um rei nórdico em torno de 1200 d.C. e foi usado como fortaleza, residência real, casa da moeda e até como prisão.

As paredes do castelo são feitas de pedra calcária e é possível subir as escadarias de pedra em espiral até o telhado para desfrutar do visual panorâmico da cidade. Dentro do castelo, muita história é contada sobre alguns de seus habitantes.

5- Laxey Wheel

Laxey Wheel, também conhecida como Lady Isabella, é uma grande roda d’água e fica acima da vila de Laxey. É a maior roda d’agua em funcionamento do mundo e é considerada um brilhante exemplo de engenharia vitoriana. Foi construída em 1854 para bombear água das minas de Laxey. O lugar encanta pela grandeza e conservação e é possível subir até o topo da roda e apreciar uma linda vista panorâmica da vila.

Castelo de Peel – fonte: arquivo pessoal

6– Castelo de Peel

A oeste da Ilha, há uma antiga ruína de um castelo construído em 1392. Ela fica em uma ilhota chamada St. Patrick. O local foi lar de missionários cristãos, guerreiros e reis vikings. Acredita-se que seja o primeiro lugar que o Cristianismo tenha alcançado na Ilha de Man por St. Patrick. Hoje em dia você pode passear por entre as ruínas, aproveitar as vistas panorâmicas e ainda pode ser guiado por um áudio informativo para desvendar todas as histórias desse incrível castelo. Estando na cidade de Peel, vale a pena também explorar as redondezas e suas praias e, ao final, tomar um delicioso sorvete manx chamado Davison’s, na loja da fábrica que fica na orla da cidade.

Cregneash – fonte: arquivo pessoal

7- Cregneash

Para ter uma aproximação mais real com a cultura manx, vale a pena visitar uma vila chamada Cregneash. É uma ilustração viva de uma comunidade agrícola no século XIX e início do século XX.  É uma pequena fazenda com tudo bem original mostrando muito da cultura e costumes manx desde os tempos remotos. É possível observar animais locais como as ovelhas de loghtan, vacas shorthorn, porcos e gatos manx. A aldeia de Cregneash foi uma das últimas fortalezas da linguagem manx e dos costumes que caracterizaram o modo de vida simples chamado croft. Você pode entrar nas casas manx para conhecer como viveram suas histórias, desenvolveram suas habilidades e ver algumas demonstrações de artesanato.

Port Erin – fonte: arquivo pessoal

8- Port Erin

Ao sul da Ilha há uma vila chamada Port Erin. É um lugar bucólico com praia de areia que você pode explorar, de preferência, em um lindo dia de sol. A região tem uma ótima trilha que leva até uma torre onde é possível ver toda a beleza do local bem do alto. Port Erin é um local de fácil acesso e é inclusive o ponto final do trem a vapor.

9 – The Sound Visitor Center

The Sound é um centro de visitação que fica em Port St. Mary, é um dos pontos mais pitorescos do sul da ilha e contém uma riqueza de informações sobre a história da área. Desse local avista-se o Calf of Man, que é uma pequena ilha que pode ser visitada para observação de aves e outros animais. As águas ao redor de The Sound e Calf of Man estão cheias de vida selvagem.

Há, ainda, uma pequena ilhota rochosa, conhecida como Kitterland, que está localizada no meio de ambas as áreas, é um ponto de acesso para leões marinhos que podem ser encontrados tomando sol nas rochas. A área também é frequentada por golfinhos e tubarões. The Sound Visitor Center está perto de Cregneash, no sudoeste da ilha, em Mull Hill, entre Port Erin e Port St. Mary.

***

A Ilha de Man tem muitos lugares encantadores, a maioria deles são bem pitorescos e bucólicos. Em breve postarei mais artigos sobre outros lindos lugares para se visitar na Ilha de Man. Enquanto isso, acompanhe aqui mais curiosidades sobre a ilha.

Related posts

Região de Andaluzia

Thais Maciel Gomes

Observatório de Carmen Alto em Arequipa

Jéssica Soares

Castell de Guadalest

Thais Maciel Gomes

1 comentário

Mari Melo Junho 27, 2018 at 1:27 pm

Olá Priscila, adorei seu post. Estou me programando para correr uma Maratona na Ilha de Man em agosto desse ano. Pesquisando sobre a maratona na Ilha só achei informações sobre as corridas de motos. A maratona será em Ramsey. Tu poderias me dar alguma informação sobre? Seu post está bem legal e completo sobre a Ilha, achei show. Pretendo ir na sexta a tarde e retornar no domingo a noite, sei que o tempo é curto mas daria para explorar as partes principais da Ilha? obrigada pelas excelentes dicas ok? gde abraço.

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação